Servidores entram em greve a partir de segunda-feira

Fonte Secretaria de Comunicação da UnB 08/06/2012 às 23h

Os servidores técnico-administrativos da Universidade de Brasília entram em greve a partir de segunda-feira, 11 de junho. A decisão foi tomada em assembleia realizada há uma semana (leia mais aqui), após duas paralisações relâmpago, uma com duração de um dia e outra de dois dias.

Com a adesão dos técnicos à mobilização nacional da categoria por melhores salários, os três segmentos da UnB ficam parados. Professores estão em greve desde o dia 21, decisão seguida pelos estudantes após assembleia realizada na mesma semana e confirmada pelo Conselho de Entidades de Base no último dia 29. “É necessário mobilizar os três segmentos da Universidade, promovendo uma grande paralisação, a fim de o Governo Federal tomar logo as providências para que as atividades voltem ao normal”, diz Mauro Mendes, da coordenação do Sindicato dos Trabalhadores da Fundação Universidade de Brasília (Sintfub).

Mauro Mendes afirma que o Sintfub assegurará que os serviços essenciais da Universidade sejam mantidos. “A equipe de segurança, os médicos do Hospital Universitário, os servidores que cuidam de laboratórios com plantas e animais, por exemplo, são de setores que não podem parar de funcionar”, disse Mauro Mendes.

REIVINDICAÇÕES - Além do piso salarial de três salários míimos, principal reivindicação dos servidores, a categoria pede a criação de novos planos de carreira, reposicionamento dos aposentados que não atingiram o nível máximo da carreira e equiparação do valor pago pelo tíquete alimentação com os dos poderes Legislativo e Judiciário.

A greve não é só na Universidade de Brasília. Envolve os servidores de várias áreas de todo o país em mobilização conduzida pela Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores das Universidades Públicas Brasileiras (Fasubra). Na manhã desta terça-feira, 5 de junho, os funcionários UnB se juntaram aos demais servidores públicos federais na marcha realizada na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. O ato teve o objetivo de chamar a atenção do governo para aos problemas gerados pela falta de investimento no serviço público.

Secretaria de Comunicação da UnB
Fonte Secretaria de Comunicação da UnB 08/06/2012 ás 23h

Compartilhe

Servidores entram em greve a partir de segunda-feira