Rio de Janeiro terá operação nas estradas contra sonegação fiscal

Fonte Agência Brasil. 28/01/2010 às 15h

O governo do Rio de Janeiro vai iniciar, na próxima segunda-feira (1º), uma operação permanente nas estradas do estado, para combater a sonegação fiscal das cargas que entram no Rio. A ação, chamada de Barreira Fiscal, também visa a coibir o tráfico de armas e drogas.

Mais de 120 fiscais de renda estaduais e quase 200 policiais militares, com o apoio da Receita Federal, vão se revezar para uma fiscalização de 24 horas por dia nas divisas do Rio com os estados de São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo. Serão oito pontos fixos nas principais rodovias e seis equipes volantes para controlar a entrada de carga no estado.

Haverá ainda câmeras instaladas em rodovias vicinais, para flagrar motoristas que tentem escapar dos pontos fixos de fiscalização. O coordenador da operação, Reynaldo Braga, acredita que a Barreira Fiscal conseguirá fechar o cerco a todas as entradas para o estado do Rio de Janeiro.

“Nosso principal posto será o de Nhangapi, localizado em Itatiaia [na Via Dutra]. Lá passam 75% da mercadoria que vêm para o estado. No norte e noroeste fluminense, estaremos com dois postos muito bem instrumentados e prontos para realizar a operação fiscal”, disse Braga.

A operação consistirá na abordagem de caminhões, para verificar se a nota fiscal da carga está correta. Também haverá inspeção dos produtos. Alguns veículos serão seguidos até o destino final, para se certificar de que a carga será entregue no local informado pelo documento.

A Barreira Fiscal contará com o apoio de um scanner (um portal com raio-x) e com um helicóptero da Receita Federal, que poderá ser usado em ações especiais.

Agência Brasil.
Fonte Agência Brasil. 28/01/2010 ás 15h

Compartilhe

Rio de Janeiro terá operação nas estradas contra sonegação fiscal