Relator da CPMI diz que vai discutir quebra de sigilos de Perillo na quinta

Fonte Agência Câmara de Notícias 12/06/2012 às 20h

 

 

O relator da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investiga as relações do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, com agentes públicos e privados, deputado Odair Cunha (PT-MG), informou que vai debater, na próxima quinta-feira (14), a possibilidade de quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico do governador de Goiás, Marconi Perillo, que depôs hoje no colegiado por nove horas. O depoimento encerrou-se há pouco.

Segundo Odair, o depoimento de Perillo hoje “é a versão dele dos fatos, não quer dizer que seja a verdade. Até porque as investigações da Polícia Federal [PF] indicam que o verdadeiro comprador da casa de Perillo em Goiânia é Cachoeira”. O contraventor foi preso no final de fevereiro nessa casa, cuja venda tem provocado polêmicas na CPMI.

Outra denúncia
Odair afirmou também que Perillo não soube explicar as denúncias do radialista Luiz Carlos Bordoni, que afirmou ter recebido em dinheiro vivo para participar da campanha eleitoral de Perillo ao governo de Goiás em 2010.

O relator destacou ainda que a CPMI tem outros tipos de investigações que não se restringem aos depoimentos das testemunhas e demais convocados. “Há também os diversos documentos que constam dos inquéritos da PF”, lembrou Odair.

Orientação de Lula
Questionado se ele havia recebido alguma ligação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, orientando-o sobre a maneira de conduzir os trabalhos da comissão de inquérito, Odair afirmou que não recebeu “nenhuma ligação do Lula, seja antes do início dos trabalhos da CPMI ou em qualquer outro momento”.

Agência Câmara de Notícias
Fonte Agência Câmara de Notícias 12/06/2012 ás 20h

Compartilhe

Relator da CPMI diz que vai discutir quebra de sigilos de Perillo na quinta