Quadros do ano 1.400 são roubados de castelo em Milão

Fonte ANSA 24/08/2014 às 20h

Obras pertencem a um artista anônimo italiano

24 Agosto, 16:11•MILÃO•ZBF

(ANSA) - Três quadros de um pintor anônimo do ano 1.400 foram roubados ontem (23) da pinacoteca do Castelo Sforzesco, em Milão, na Itália. Os quadros, com dimensões de 25 cm x 25 cm, retratavam rostos masculinos e pertenciam a um artista italiano.

As obras são propriedade da Prefeitura e estavam expostas em uma das salas do complexo cultural. Um segurança percebeu por volta das 15h de ontem que os quadros haviam desaparecido do local onde ficavam expostos.

Mas a direção da pinacoteca só acionou a polícia por volta das 20h. Os agentes não puderam fazer nada além de registrar a ocorrência de furto.

As câmeras de segurança do museu não conseguiram gravar o momento do crime, já que as paredes em que os quadros estavam pendurados ficavam fora do ângulo do equipamento. (ANSA)
ANSA
Fonte ANSA 24/08/2014 ás 20h

Compartilhe

Quadros do ano 1.400 são roubados de castelo em Milão