PSUV desmente inscrição formal de Chávez em Conselho Eleitoral

Fonte Ansa flash 02/06/2012 às 22h
A presidente do CNE, Tibisay Lucena, havia informado que o órgão recebeu a inscrição de Chávez

CARACAS- O coordenador de estratégia eleitoral do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV), Francisco Ameliach, desmentiu que o presidente Hugo Chávez já teria feito formalmente sua inscrição no Conselho Nacional Eleitoral (CNE) para as eleições de 7 de outubro.

Ontem, a presidente do CNE, Tibisay Lucena, havia informado que o órgão recebeu a inscrição de "cinco ou seis" pessoas, entre elas Chávez e o opositor Henrique Capriles.

Em entrevista à emissora VTV, Ameliach disse que "houve uma confusão, alguns meios de comunicação informaram que o presidente Chávez se inscreveu nesta sexta-feira. E não é isso".

"Eu, como representante legal do PSUV no CNE, peguei a planilha por meio da qual o presidente Chávez deve se inscrever. Essa planilha leva o nome dele. [Chávez] deve assiná-la, aceitando sua candidatura pelo PSUV", explicou o coordenador.

Segundo ele, "esse ato [da formulação da candidatura] ocorre quando Chávez vai ao CNE e apresenta a planilha junto com os documentos exigidos. E sabemos que esse ato será realizado por Chávez dentro do período estipulado pelo CNE, de 1 a 11 de junho". Ontem, portanto, foi o primeiro dia para inscrever candidaturas.

O mandatário venezuelano vai tentar mais uma reeleição no pleito de 7 de outubro, sendo que seu principal adversário é o candidato único da oposição, Henrique Capriles, governador do estado de Miranda. Desde o ano passado, Chávez está com a saúde debilitada devido a um câncer.
Ansa flash
Fonte Ansa flash 02/06/2012 ás 22h

Compartilhe

PSUV desmente inscrição formal de Chávez em Conselho Eleitoral