Primeiro governador do Amapá é homenageado pelo Congresso

Fonte Agência Senado 04/06/2012 às 15h

Primeiro governador do Amapá é homenageado pelo Congresso

Primeiro governador do Amapá, quando o estado ainda era um território federal, Janary Gentil Nunes foi homenageado em sessão solene do Congresso Nacional nesta segunda-feira (4). Falecido em 1982, ele completaria neste mês 100 anos. Ao abrir a sessão, o presidente do Senado, José Sarney, lembrou que o governo de Janary durou 12 anos, entre 1944 e 1956.

– É impossível fazer justiça à história do desenvolvimento do Amapá sem trazer à lembrança sua figura – declarou Sarney, destacando que o homenageado teve carreira militar, foi presidente da Petrobras e embaixador do Brasil na Turquia.

O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), que solicitou a homenagem juntamente com o deputado federal Sebastião Bala Rocha (PDT-AP), afirmou que “a história do Amapá não começa com Janary, mas não tem como ser contada sem se falar dele”. Randolfe frisou que a região estava “esquecida e abandonada” pelo governo brasileiro até 1943, quando foi criado o território do Amapá.

– Janary foi designado para lá e tomou as medidas para instaurar a estrutura do atual estado. Ele transferiu a capital da cidade de Montenegro para Macapá, que era então um descampado – recordou.

O senador ressaltou que, até a chegada de Janary, a capital não possuía escolas nem hospitais. Segundo o parlamentar, governador foi responsável pela construção de 20 grupos escolares e “o mais avançado centro hospitalar da Amazônia naquela época”. Randolfe disse que Janary Nunes também abriu grandes avenidas em Macapá, “resgatando a ideia de planejamento da cidade”.

O senador destacou ainda que, antes do governo de Janary, Macapá tinha cerca de dois mil habitantes e, após sua gestão, esse número havia aumentado para 20 mil pessoas.

Ao enumerar as realizações do primeiro governador do Amapá, o deputado Sebastião Bala Rocha disse que o homenageado iniciou os preparativos para a construção da hidrelétrica do Paredão e também o planejamento da construção da BR-156. Segundo o deputado, a atuação de Janary se tornou uma referência não apenas na Amazônia, mas em todo o país.

– Foi por isso que, após governar o Amapá, ele foi presidente da Petrobras e embaixador na Turquia – sublinhou o deputado.

Também participaram da sessão solene a vice-governadora do Amapá, Doralice Nascimento de Souza, o deputado federal Luiz Carlos (PSDB-AP) e familiares do homenageado, entre eles sua viúva, Alice Déa Nunes, e seus filhos.

 

Agência Senado
Fonte Agência Senado 04/06/2012 ás 15h

Compartilhe

Primeiro governador do Amapá é homenageado pelo Congresso