Pequenos negócios mais fortes e competitivos

Fonte Assessoria de Comunicação Gladis Ybarra 01/09/2014 às 12h
Por Ricardo Kurtz*



O mercado está cada vez mais competitivo, dinâmico e exigente. Nesse cenário, a missão das pequenas e médias empresas (PME) torna-se ainda mais complicada. Não é fácil concorrer com grandes corporações. As empresas de maior porte levam vantagem por conseguir manter maior aporte financeiro e estruturas mais resistentes em momentos de crise, além de ter maior acesso ao capital humano mais qualificado. Para fazer frente aos grandes, as PMEs investem na otimização de tempo e recursos. É imprescindível fazer mais com menos. E nisso, os avanços da tecnologia da informação (TI) são decisivos.

Esta é uma parcela importante da economia brasileira. O Brasil tem atualmente cerca de 8,9 milhões de micro e pequenas empresas e elas respondem por 52% dos empregos com carteira assinada. As micro e pequenas empresas geram, em média, 27% do PIB do Brasil. No comércio, respondem por 53,4% do PIB, na Indústria a participação chega a 22,5% e o setor de Serviços responde de 36,3%. Em dez anos, os valores da produção gerada pelos pequenos negócios foram de R$ 144 bilhões para R$ 599 bilhões.

Melhorar a gestão, reduzir gastos com retrabalho, desperdício e burocracias, automatizar processos nas áreas comerciais, financeira, fiscal ou, ainda, possibilitar conversas com clientes via chat, reuniões por videoconferência e investir em soluções de mobilidade torna possível às empresas oferecer aos seus clientes produtos e serviços tão eficiente quanto aos grandes concorrentes. Os fabricantes de software de gestão empresarial (ERPs) que atendem a essa fatia de mercado percebem a evolução da procura. A previsão, segundo a consultoria IDC é de que o segmento cresça a taxa média anual de 8% até 2017. As PMEs brasileiras descobrem que, apostando na inovação e na qualificação contínua conseguem se destacar no mercado.



*Ricardo Kurtz é diretor da Sidicom Software e conselheiro da Assespro-RS e Seprorgs.








Assessoria de Comunicação Gladis Ybarra
Fonte Assessoria de Comunicação Gladis Ybarra 01/09/2014 ás 12h

Compartilhe

Pequenos negócios mais fortes e competitivos