Para o comércio este será o natal do otimismo

Fonte Assessoria de Comunicação/CDL-Rio. 09/12/2009 às 15h

O comércio lojista acredita que 2009 será o Natal do otimismo e espera um crescimento nas vendas 10% superior as do ano passado. A expectativa está baseada na flexibilidade dos planos de compras pelo crediário, promoções e num ambiente econômico favorável. É o que mostra a pesquisa do Centro de Estudos do Clube dos Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDL-Rio, que ouviu 500 lojistas da Cidade do Rio de Janeiro.

O preço médio dos presentes por pessoa de cerca de R$ 100,00 apontado pela pesquisa também vem se confirmando, assim como o uso do cartão de crédito como forma de pagamento, seguido do cheque pré-datado, cartão à vista, dinheiro e a prazo.

Os presentes mais vendidos até agora (brinquedos, roupas, calçados, eletroeletrônicos, celulares, jóias e bijuterias) também confirmam os dados da pesquisa.

De acordo com o presidente do CDL-Rio, Aldo Gonçalves, este será o Natal do otimismo, o melhor dos últimos anos e favorável para o consumidor negociar descontos nas compras à vista. “O Natal do ano passado foi afetado pelo susto da crise financeira internacional, que inibiu os planos de compras do consumidor, mas a julgar pelo movimento que o comércio vem tendo, as vendas este ano deverão crescer cerca de 10%”, explica Aldo.

Para ele os consumidores se posicionaram para comprar. “Os números de novembro do Serviço de Proteção ao Crédito do CDL-Rio confirmam isso: as dívidas quitadas cresceram 9,6%, as consultas 1,2% e a inadimplencia aumentou apenas 0,2%. Isso mostra que os consumidores recuperaram o crédito para comprar no Natal”, conclui.

Assessoria de Comunicação/CDL-Rio.
Fonte Assessoria de Comunicação/CDL-Rio. 09/12/2009 ás 15h

Compartilhe

Para o comércio este será o natal do otimismo