ONU e Interpol lançam projeto para combater extração ilegal de madeira

Fonte Rádio ONU, parceira da EcoAgência 07/06/2012 às 22h

O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Pnuma, e a Interpol lançaram uma iniciativa conjunta para combater a extração ilegal da madeira em todo o mundo. O anúncio foi feito no Dia Mundial do Meio Ambiente, marcado nesta terça-feira. O projeto, Assistência para Aplicação da Lei para as Florestas, ou Leaf, na sigla em inglês, dedica-se a combater todos os aspectos de crimes florestais includindo o tráfico e a extração ilegal de madeira.

O programa conta com o apoio financeiro da Agência de Cooperação e Desenvolvimento da Noruega. Crimes desta natureza destroem a biodiversidade e ameaçam a sobrevivência dos que dependem dos recursos florestais, além de afetar a mudança climática. O Pnuma lembra ainda que a corrupção, a violência e até assassinatos ligados à extração ilegal da madeira podem afetar a estabilidade e a segurança de todo um país. Cerca de 1,6 bilhão de pessoas, mais que um quarto da população mundial, dependem da floresta para ter acesso a combustíveis, alimentos e remédios.

Rádio ONU, parceira da EcoAgência
Fonte Rádio ONU, parceira da EcoAgência 07/06/2012 ás 22h

Compartilhe

ONU e Interpol lançam projeto para combater extração ilegal de madeira