OEA terá eleição para secretário-geral no dia 24 de março

Fonte Ansa Flash. 04/02/2010 às 10h

A Organização dos Estados Americanos (OEA) anunciou hoje que a eleição para secretário-geral da entidade será realizada em sessão marcada para o dia 24 março.

Em função disso, a OEA, que escolherá também seu secretário-geral adjunto, pediu aos Estados-membros que "proponham formalmente seus candidatos".

Até aqui, o chileno José Miguel Insulza, que ocupa o cargo atualmente e buscará a reeleição, é o único concorrente. Há rumores, porém, de que um bloco liderado pela Venezuela e formado pelas nações bolivarianas poderia sugerir um nome.

Insulza é o secretário-geral da OEA há cinco anos e seu mandato termina no dia 25 de maio. Já Albert Ramdin, natural do Suriname, ficará no cargo de secretário-geral adjunto até 19 de julho.

A decisão de realizar as eleições para os dois postos no mesmo dia ocorreu por razões de "conveniência e economia", segundo o órgão multilateral.

A OEA também convocou uma sessão extraordinária para o dia 3 de março em sua sede, situada em Washington, "para que os candidatos façam a apresentação de suas propostas e iniciativas". 

Ansa Flash.
Fonte Ansa Flash. 04/02/2010 ás 10h

Compartilhe

OEA terá eleição para secretário-geral no dia 24 de março