Mantega pede a empresários que não se enganem com "canto da sereia" do pessimismo

Fonte Agência Brasil. 02/02/2010 às 12h

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, advertiu hoje os empresários para que não se deixem levar pelo “canto da sereia” das projeções pessimistas baseadas no fato de este ser um ano eleitoral, sob pena de conturbar os ganhos obtidos na economia.

Mantega fez a declaração ao falar para um grupo de empresários durante o Seminário Brasil: Preparado para Crescer, promovido pelo Grupo de Líderes Empresariais (Lide).

No encontro, Mantega reiterou que, se houver um expressivo aumento da inflação o governo tem como controlar, recorrendo à política de juros.

Seguindo a Fundação Getulio Vargas, o Índice de Preços ao Consumidor Semanal fechou janeiro com alta de 1,34%, o maior valor desde fevereiro de 2003 (1,61%).

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, que também participou do seminários, exaltou os resultados benéficos da politica econômica do governo e afirmou que “o Brasil deixou de ser o país do futuro e passou a ser o do presente”. Assim como Mantega, ele disse que o governo não planeja mudar a política econômica.
 

Agência Brasil.
Fonte Agência Brasil. 02/02/2010 ás 12h

Compartilhe

Mantega pede a empresários que não se enganem com "canto da sereia" do pessimismo