Mandado de segurança de Arruda no TSE tem novo relator.

Fonte Agência Brasil. 10/12/2009 às 10h

 

 


 O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Marcelo Ribeiro deixou a relatoria do mandado de segurança impetrado ontem (9) pelo governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda. Ele alegou apenas suspeição para o caso. A ministra Carmem Lúcia assume a função.

Segundo a assessoria do TSE, não é necessário nenhum tipo de exposição de motivos para justificar a suspeição, que foi declarada pelo próprio ministro.

O mandado apresentado por Arruda pedia que o processo aberto por seu partido, o Democratas, fosse suspenso, evitando sua expulsão da legenda. O pedido será agora analisado pela ministra Carmem Lúcia.

No mérito do mandado, o governador pede para ser processado pela instância partidária própria que, segundo ele, seria o diretório regional.

Arruda foi acusado pela polícia Federal de fazer parte de um esquema de pagamento de propina a deputados distritais e empresários.
 

 

 
Agência Brasil.
Fonte Agência Brasil. 10/12/2009 ás 10h

Compartilhe

Mandado de segurança de Arruda no TSE tem novo relator.