Lula sanciona lei que cria Universidade da Integração Latino-Americana

Fonte Agência Brasil. 12/01/2010 às 11h

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sanciona hoje (12), às 15h30, no Centro Cultural Banco do Brasil, a lei que cria a Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila). Estarão presentes à solenidade o ministro da Educação, Fernando Haddad, e o presidente da comissão de implantação da Unila, Hélgio Trindade.

A universidade terá aulas em português e em espanhol e oferta diferenciada de cursos. O objetivo dos cursos é apoiar o desenvolvimento sustentável e promover a integração da América Latina. A universidade, a ser instalada em Foz do Iguaçu (PR), terá 50% de professores e alunos brasileiros. Os demais serão dos outros países da região. A meta da instituição é contar com 10 mil alunos em cinco anos.

Às 17h30, no Centro de Eventos Brasil 21, Lula e o ministro das Cidades, Marcio Fortes, anunciam recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e do programa Minha Casa, Minha Vida para municípios com menos de 50 mil habitantes.

Participam da cerimônia os ministros da Casa Civil, Dilma Rousseff, da Previdência Social, José Pimentel, e o interino da Fazenda, Nelson Machado, além de governadores e prefeitos. No evento, serão assinados protocolos de cooperação com os estados e municípios selecionados.
 

Agência Brasil.
Fonte Agência Brasil. 12/01/2010 ás 11h

Compartilhe

Lula sanciona lei que cria Universidade da Integração Latino-Americana