Lua de Papel lança guia de curiosidades sobre O Símbolo Perdido

Fonte Belemcom Comunicação 29/01/2010 às 9h

São tantas informações, fatos e dados históricos contidos nos romances de Dan Brown, que muitos leitores precisam de mais referências para entender com profundidade a trama de seus livros. E para que o público compreenda a história de “O Símbolo Perdido”, o professor Thomas R. Beyer Jr. publicou, em dezembro passado nos EUA, um estudo sobre o tema que com o título de “A Filosofia de O Símbolo Perdido – Guia de Curiosidades”, chega agora ao Brasil pelo selo Lua de Papel, da editora Leya.  É um guia que complementa a leitura e elucida diversos fatos contidos na obra de Brown além de trazer uma série de fotografias, ilustrações e links de outros curiosos sobre o assunto.

O livro é fruto de quatro anos de pesquisa de Beyer e seus alunos do Middlebury College, em Vermont. O grupo fez todos os roteiros por monumentos, mausoléus e prédios históricos descritos na trama de Brown e realizou estudos sobre 33 temas-chave para entender a história e os dividiu em sete capítulos: Pessoas e Lugares, O Distrito de Colúmbia, Arte e Arquitetura, Criptologia, Ciência Moderna, Maçonaria e Os Ensinamentos Secretos.

Algumas curiosidades

·       A palavra maçonaria vem do francês maçonnerie que significa construção. As lendas maçônicas dizem que os primeiros construtores do Templo de Salomão fundaram a irmandade para preservar os segredos do oficio e usaram símbolos para codificar essas informações.

·       Para a maçonaria os números 3, 13 e 33 são muito importantes. O número 3 representa a trindade divina, 13 são os primeiros estados americanos e 33 é a idade em que Cristo foi crucificado.

·       Existe mesmo uma passagem secreta no subsolo do Capitólio, em Washington, que leva até a Biblioteca do Congresso.

·       Na Catedral Nacional de Washington existem 112 gárgulas, mas o curioso é que uma delas é a cabeça do personagem Darth Vader, do filme Star Wars.

·       Visto de cima, o Monumento à Washington revela uma pirâmide egípcia perfeita.

·       Dos 24 presidentes eleitos dos Estados Unidos, 14 eram maçons.

·       A tradicional pedra fundamental colocada por autoridades em locais e construções importantes é na verdade um ritual maçônico, instaurado nos Estados Unidos por George Washington.

·       Das 56 pessoas que assinaram a Declaração de Independência dos Estados Unidos, nove eram da maçonaria. E dos 33 signatários da Constituição americana, havia 13 membros da irmandade.

·       O presidente Franklin Roosevelt, membro da maçonaria, instituiu a realização de um evento religioso no dia seguinte à posse na Catedral Nacional. Barack Obama realizou este mesmo ritual em 2009.

 

Ficha Técnica

Título: A Filosofia de O Símbolo Perdido – Guia de Curiosidades

Autor: Thomas R. Beyer Jr

Formato: 14x21 cm

Brochura

Nº de páginas: 224

Preço: R$ 24,90

 

O Autor

Thomas R. Beyer Jr, professor do Middlebury College, dirigiu muitos seminários sobre as obras de Dan Brown, e é o editor do guia de referência on-line “As Chaves de O Código Da Vinci”. Ele e seus alunos estão trabalhando atualmente em uma enciclopédia virtual dedicada ao livro “Anjos e Demônios”. Beyer começou a trabalhar em sua obra quatro anos atrás, quando Dan Brown revelou pela primeira vez a relação de seu novo romance com a fraternidade maçônica.

 

Belemcom Comunicação
Fonte Belemcom Comunicação 29/01/2010 ás 9h

Compartilhe

Lua de Papel lança guia de curiosidades sobre O Símbolo Perdido