Lei autoriza doação de recursos para construção de fábrica em Moçambique

Fonte Agência Brasil. 15/12/2009 às 11h

O governo brasileiro vai doar a Moçambique R$ 13,6 milhões para a primeira fase de instalação de uma fábrica de medicamentos contra a aids no país. A lei foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (15).

Os planos de construção foram idealizados em 2003, durante visita do presidente Luiz Inácio Lula da Silva à África. Moçambique está entre os países mais afetados pela aids no mundo. Estima-se que 500 novos casos da doença sejam registrados todos os dias, de acordo com levantamento da Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz).

Inicialmente, a fábrica vai apenas empacotar antirretrovirais produzidos no Brasil. A produção local está prevista para começar em meados de abril de 2010, sob a supervisão de técnicos brasileiros.

A doação foi autorizada pela Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado e comemorada pelo coordenador de Projetos Industriais e Internacionais de Farmanguinhos/Fiocruz, Roberto Camilo Catrignani, futuro diretor da fábrica em Moçambique. "Estamos acompanhando essa história desde o início e ficamos muito felizes com a aprovação da doação, pois agora poderemos ver as coisas começarem a acontecer", disse.

 

Agência Brasil.
Fonte Agência Brasil. 15/12/2009 ás 11h

Compartilhe

Lei autoriza doação de recursos para construção de fábrica em Moçambique