Homeopatia x tolerância alcoólica

Fonte Professora Eliete M M Fagundes 02/09/2014 às 11h
Por Eliete M M Fagundes*

Há sempre a dúvida se remédio homeopático pode ser constatado em teste de bafômetro. Depois de sancionada a Lei Seca 12.760/2012, foram alterados os artigos 165, 262, 267, 277 e 306 do Código de Trânsito Brasileiro. Com isso, de acordo com os testes realizados atualmente, até o remédio homeopático, dependendo de como for ingerido, pode ser detectado no bafômetro.

Não há problemas para os usuários de remédios homeopáticos e também para os homeopatas praticantes porque a Homeopatia deve ser tomada em um pouquinho de água, correspondendo a um gole e basta pingar 1 ou 2 gotas. Para termos um parâmetro, uma colher de sopa cheia corresponde a 15 ml de água.

Também podemos diluir um pouco mais, em 20 ml ou 30 ml de água, mas lembre-se de que a quantidade ideal deve corresponder a um gole, pois dois goles já seriam dois estímulos diferenciados para a energia vital reconhecer e trabalhar aquela determinada informação.

Não é com quantidade que trabalhamos, mas com qualidade de informação. Portanto, a quantidade de gotas não altera a qualidade da informação se esta estiver a mais correta possível para aquele caso. Porém, a diferença é sentida na quantidade de vezes que estimulamos nossa energia (quantas vezes ingerimos o remédio em um determinado espaço de tempo), isto sim é que faz a diferença, não o número de gotas.

Também o horário mais recomendado para tomarmos é quando acordamos e quando vamos dormir e, desta forma, até sairmos de casa, ou seja, após alguns minutos da tomada, qualquer resquício de álcool de 1 ou 2 gotas diluídas na água já se esvaíram completamente, mas a informação permanece fazendo o efeito.

Se você tomou a homeopatia diretamente na língua, recomendo sempre informar sobre o uso de medicamento contendo teor de álcool etílico em sua composição no caso de alguma blitz. Caso indagado, o usuário deve apresentar o frasco em uso, que habitualmente descreve em sua rotulagem o teor de álcool presente, 15, 20, 30% e informar quando foi administrado pela última vez. Após isso, deve aguardar a orientação sobre como proceder ao teste do etilômetro.

Lembre-se de que o usuário tem o direito de refazer o teste do bafômetro. A própria polícia recomenda que ele seja feito 15 minutos depois da primeira vez. Isso porque nesse intervalo de tempo a pequena quantidade de álcool que tem nesses produtos desaparece do organismo. Logo, não há com que se preocupar.

*Professora Eliete M M Fagundes
[email protected]
www.homeopatias.com
Professora Eliete M M Fagundes
Fonte Professora Eliete M M Fagundes 02/09/2014 ás 11h

Compartilhe

Homeopatia x tolerância alcoólica