Hollande não aceita demissão de Manuel Valls

Fonte ANSA 25/08/2014 às 9h

Presidente francês disse que premier fica no cargo

25 Agosto, 08:14•PARIS•ZGT

(ANSA) - O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, pediu demissão de seu cargo nesta segunda-feira (25) por causa de declarações polêmicas do ministro de Economia, Arnaud Montebourg. Porém, o presidente François Hollande não aceitou o pedido e ainda encarregou o premier a formar um novo governo no país.

Segundo o Eliseu, o anúncio da nova equipe governamental será divulgado amanhã (26) e que ele deve ser constituído "coerentemente com as orientações definidas para o país".

No sábado (23), o jornal Le Monde trouxe uma entrevista com o ministro, onde ele afirmava que era preciso fazer uma forte reorientação da política econômica do governo e da União Europeia. Montebourg não poupou críticas duríssimas à Alemanha e a chanceler Angela Merkel. O ministro também criticou o Banco Central Europeu.

Montebourg encontrou apoio no ministro da Educação, Benoit Hamon, que concordou com as palavras dele. Porém, para Valls, o responsável pela Economia "passou dos limites".

Com a formação do novo governo, a chance de mudanças no Ministério da Economia é inevitável. Segundo a imprensa francesa, além de Montebourg, os ministros da Educação, da Cultura e da Justiça devem perder seus cargos. (ANSA)
ANSA
Fonte ANSA 25/08/2014 ás 9h

Compartilhe

Hollande não aceita demissão de Manuel Valls