Filmes brasileiros participam de festivais em quatro países

Fonte Ancine 24/08/2014 às 21h
Nos próximos dias, o Brasil irá marcar presença no Festival Internacional de Cinema de Veneza (Itália), no Festival Internacional de Cinema de Toronto (Canadá), no Festival Internacional de Cinema de Viña del Mar (Chile) e no Festival Internacional Nueva Mirada para a Infância e a Juventude (Argentina), com a exibição de onze curtas e longa-metragens.

As obras foram feitas com o auxílio do Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais da Ancine.

Curta-metragem de animação participa do Festival de Veneza

Selecionado para a Mostra Horizontes, do prestigiado Festival Internacional de Veneza, o curta-metragem de animação "Castillo y El Armado", de Pedro Harres, foi apoiado financeiramente e com a confecção e o envio de cópia legendada ao evento.

Já para o Festival Internacional de Toronto, o programa da Agência ofereceu o mesmo suporte ao curta-metragem "Tatuapé Mahal Tower", na competição internacional de curtas-metragens, e a "Obra", longa-metragem de estreia de Gregorio Graziosi, que será exibido na mostra Discovery. O festival italiano começa no próximo dia 27 de agosto e o evento canadense tem início no dia 4 de setembro.

Oito filmes nacionais no FICVIÑA e no Festival Nueva Mirada

Cinco obras brasileiras estarão presentes no Festival Internacional de Cinema de Viña del Mar (FICVIÑA), que acontece de 2 a 6 de setembro. Na competição de longas-Metragens latino-americanos, quem representa o Brasil é "Rio Cigano", de Julia Zakia.

Já na competição latino-americana de curtas-metragens, serão exibidos "Ao Lado", de Julio Costantini, "Eu não digo adeus, digo até logo", de Giuliana Monteiro, e "Linda, Uma História Horrível", de Bruno Gularte. O curta "Bianca", de Karina Mello, na competição internacional de escolas de cinema e audiovisual, completa a programação.

O cinema brasileiro também estará representado no Festival Internacional de Cinema Nueva Mirada para a Infância e a Juventude, em Buenos Aires, com dois longas e um curta-metragem, todos em competição oficial. O evento acontece entre os dias 28 de agosto e 3 de setembro.

Entre os longas, concorrem ao Troféu Pipa de Ouro "O Menino e o Mundo", de Alê Abreu, e "Meu pé de laranja lima", de Marcos Bernstein. O curta "Os Irmãos Mai", de Thais Fujinaga, completa a participação brasileira.

Os três filmes receberam auxílio do Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais da Ancine.

Como funciona o Programa de Apoio da Ancine

O Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais contempla filmes oficialmente convidados para 80 festivais internacionais e projetos audiovisuais convidados para 27 laboratórios ou workshops no exterior.

O apoio à participação de filmes em festivais conta com quatro categorias de auxílio, dependendo da classificação de cada evento: apoio A - concessão de cópia legendada, envio de cópia e apoio financeiro; B - envio de cópia e apoio financeiro; C - concessão de cópia legendada e envio de cópia; e D - envio de cópia.

As regras para a concessão do apoio estão dispostas no regulamento do programa. Mais informações podem ser conseguidas pelo e-mail [email protected]
Ancine
Fonte Ancine 24/08/2014 ás 21h

Compartilhe

Filmes brasileiros participam de festivais em quatro países