Ex-presidente da Eslováquia visita o Bosque da Ciência

Fonte Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia 26/08/2014 às 21h
O ex-presidente da Eslováquia, Rudolf Schuster, visitou o Bosque da Ciência, espaço de visitação pública do Instituto Nacional de pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI). Há quatro dias em Manaus (AM), Schuster, que governou o país da Europa Central entre 1999 e 2004, está refazendo o roteiro que o pai dele fez em 1927 quando veio ao Brasil em uma viagem pessoal.

O ex-presidente já escreveu cinco livros sobre o Brasil e o objetivo da viagem é colher informações para um novo livro. Neste sábado, ele segue para Santarém (Pará) para dar prosseguimento à expedição pelo Brasil.

Desta vez, Rudolf veio acompanhado de filhos, sobrinhos e netos. Além dos livros, ele produziu dez documentários sobre o Brasil, que são transmitidos nos canais de televisão da Eslováquia, um país europeu que faz fronteira com a Áustria e com a Hungria.

A comitiva de Rudolf foi recebida pelo coordenador de extensão do Inpa, o pesquisador Carlos Bueno. Ele contou que não é a primeira vez que Rudolf visita o Inpa e que o ex-presidente se impressionou com a evolução do Bosque da Ciência desde a sua última visita ao local.

Atrativos

O Bosque da Ciência, inaugurado em 1º de abril de 1995, possui como atrativos turísticos e de entretenimento as trilhas educativas, a Casa da Ciência, tanque de peixe-boi, Viveiros das Ariranhas, Casa da Madeira, Casa de Roletes, Condomínio das Abelhas, Abraço da Morte (árvores), além da fauna livre como macacos, cutias, pássaros e preguiças.

Com área correspondente a aproximadamente 13 hectares, o espaço foi projetado e estruturado para fomentar e promover o desenvolvimento do programa de Difusão Científica e de Educação Ambiental do Inpa, ao mesmo tempo preservando os aspectos da biodiversidade existente no local.

Funcionamento

O espaço localizado na Av. Otávio Cabral, Manaus (AM), funciona de terça-feira a sexta-feira, das 9h às 12h, e das 14h às 16h30. Sábados, domingos e feriados, das 9h às 16h. Na segunda-feira o Bosque é fechado para manutenção. A entrada custa R$ 5.

Crianças até dez anos, idosos a partir de 60 anos tem entrada gratuita. Grupos religiosos e comunidades carentes agendados previamente, também não pagam. A solicitação pode ser feita via ofício.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (92) 3643-3192 e 3312/ 3293.


Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Fonte Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia 26/08/2014 ás 21h

Compartilhe

Ex-presidente da Eslováquia visita o Bosque da Ciência