Estaleiro Promar Ceará oferece melhor proposta para construir navios da Transpetro

Fonte Agência Brasil. 22/12/2009 às 17h

Os estaleiros Promar Ceará, Ilha S/A (Eisa) e Mauá foram as empresas que ofereceram as melhores propostas – menor preço – para a construção de oito navios gaseiros do Programa de Modernização e Expansão da Frota (Promef) da Petrobras Transporte (Transpetro), subsidiária da Petrobras.

A partir de agora, os preços ofertados serão negociados em processo coordenado pela Comissão de Licitação, seguindo a ordem de classificação. O Promar Ceará encabeça a relação, seguido do Eisa e do Mauá.

Segundo a assessoria da estatal, a negociação, prevista pela legislação vigente, visa a obter as melhores condições financeiras para a Transpetro. Apenas ao término do processo, a companhia anunciará o vencedor da licitação e o valor do contrato.

Todos os gaseiros que compõem o Promef foram reunidos em um único bloco. São quatro navios de 7.000 metros cúbicos (m³), dois de 12.000 m³ e dois de 4.000 m³. A construção será em estaleiro localizado no Brasil e deverá ter índice de nacionalização de 70%, no mínimo, na compra de equipamentos e serviços.

O Promef, que revitalizou a indústria naval brasileira, gera 15 mil empregos diretos no país. O programa prevê a construção de 49 navios, o que representa 4 milhões de toneladas de porte bruto. Já foram licitadas 33 embarcações, das quais seis serão lançadas ao mar em 2010.
 

Agência Brasil.
Fonte Agência Brasil. 22/12/2009 ás 17h

Compartilhe

Estaleiro Promar Ceará oferece melhor proposta para construir navios da Transpetro