Em jogo dramático e na base da raça, Pinheiros/SKY está na final da Liga das Américas

Fonte XYZ Live Press 18/03/2013 às 7h

 

Shamell e Rafael Mineiro comandam a vitória emocionante sobre o Mavort, na prorrogação

O Pinheiros/SKY está na final da Liga das Américas. Foi suado, na vontade e na disposição. O time brasileiro venceu o Mavort, do Equador, por 82 a 80, de forma espetacular, nos últimos segundos, na noite deste domingo (17), em Buenos Aires, e, com o resultado, garantiu a classificação para o quadrangular decisivo do torneio. A partida foi decidida nos últimos segundos, graças a uma cesta do ala/armador norte-americano Shamell, cestinha da partida com 33 pontos.

"Não foi fácil, parabéns para as duas equipes, Nós brigamos até o final, vencemos no último lance do jogo, na última cesta. Deu tudo certo. Essa final é mais uma conquista para o Pinheiros. Estamos chegando para sermos um dos melhores times da América do Sul. Todos estão de parabéns por esta nova final", comemora Shamell.

Além dele, o pivô Rafael Mineiro, com 16 pontos e 17 rebotes, foi outro nome fundamental no triunfo do Pinheiros/SKY.

"Mostramos muita raça e isso fez diferença. Conseguimos chegar ao nosso objetivo, que era estar no quadrangular final. Agora vamos trabalhar forte, porque temos muita coisa pela frente", afirmou Rafael Mineiro.

Paulinho, que deu a assistência para a cesta decisiva de Shamell, elogiou o espírito do grupo.

"Sabíamos que ia ser um jogo muito difícil. O time deles complicou para todo mundo, mas a gente manteve a energia e o foco e vencemos um jogo emocionante. Estamos na final, agora é comemorar. A gente manteve a cabeça no lugar e no ultimo segundo definimos o jogo. Estamos na final de novo", festejou o armador do Pinheiros/SKY.
O jogo

O primeiro quarto começou com o ala/armador norte-americano Shamell inspirado. No começo, já havia convertido sete pontos e obtido um rebote. O Pinheiros/SKY lutou, contou com a força dos pivôs Araujo, seis pontos e quatro rebotes, e Rafael Mineiro nos garrafões, mas o Mavort terminou o período em vantagem: 23 a 17.

No segundo quarto, a equipe brasileira mostrou força e buscou o resultado. Assumiu o comando do placar, 31 a 30, com pouco mais de quatro minutos. No entanto, o time equatoriano recuperou a ponta e fechou o primeiro tempo em 36 a 33.

Shamell foi o destaque do Pinheiros/SKY no primeiro tempo, com 14 pontos e três rebotes. Outro que apareceu bem foi o pivô Rafael Mineiro, com sete pontos e oito rebotes.

No terceiro quarto, o Pinheiros/SKY entrou com ainda mais disposição. Tomou a dianteira do placar e contou com Shamell muito inspirado nos lances de três pontos. Até a metade do período, foram cinco cestas, em seis tentativas. A equipe de Cláudio Mortari mostrou muita força na marcação e dificultou bastante as coisas para os jogadores do Mavort. Com eficiência na frente, fechou o terceiro quarto na frente: 57 a 53. Shamell anotou 23 pontos até o terceiro período.

A partida estava muito equilibrada e não foi diferente no último período. Na base da raça, com Rafael Mineiro dominando os rebotes, o Pinheiros/SKY lutou muito, contou com uma boa participação também do pivô André Bambu, que anotou 10 pontos no jogo, e a partida terminou empatada: 69 a 69. Rafael Mineiro com um duplo-duplo, 14 pontos e 12 rebotes, e Shamell, com 25 pontos, foram os nomes da equipe pinheirense no tempo normal.

A classificação para a final seria decidida na prorrogação. E a vontade do Pinheiros/SKY foi fundamental para o resultado. Mais uma vez, a dupla formada por Shamell e Rafael Mineiro brilhou. O pivô chegou à incrível marca de 16 rebotes, além de outros 17 pontos. O norte-americano, por sua vez, alcançou os 33 pontos, e se tornou o cestinha do jogo. O camisa 24 foi mais uma vez decisivo. No último ataque, puxado pelo armador Paulinho, o norte-americano converteu os dois pontos, que definiram a vitória, 82 a 80, e a classificação para o quadrangular decisivo da Liga das Américas, entre os dias 29, 30 e 31 de março.
Agora, o Pinheiros/SKY volta a se concentrar no NBB, onde ocupa a quinta colocação, com 43 pontos e 65,4% de aproveitamento, e se prepara para a partida contra o Tijuca, quinta-feira (21), contra o Tijuca, às 19h15, no Ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo.


Confira a campanha do Pinheiros/SKY na Liga das Américas:

15/03: Pinheiros/SKY 88 x 85 Flamengo
16/03: Pinheiros/SKY 72 x 87 Lanús (ARG)
17/03: Pinheiros/SKY 82 x 80 Mavort (EQU)

XYZ Live Press
Fonte XYZ Live Press 18/03/2013 ás 7h

Compartilhe

Em jogo dramático e na base da raça, Pinheiros/SKY está na final da Liga das Américas