Em Jerusalém, Berlusconi diz sonhar com ingresso de Israel à União Europeia

Fonte Ansa Flash. 01/02/2010 às 12h

O premier italiano, Silvio Berlusconi, afirmou hoje ao ser recebido por seu homólogo israelense, Benyamin Netanyahu, que um de seus "sonhos" é que Israel possa um dia ingressar na União Europeia (UE).

"Temos orgulho de sermos nós, junto à cultura judaico-cristã, as bases da civilidade europeia", continuou Berlusconi, que destacou que sua viagem tem o objetivo de "testemunhar a amizade, proximidade e a vontade de colaboração" de dois "povos vizinhos".

O chefe de Governo italiano também falou sobre a existência de Israel, que ainda hoje é "posta em questionamento". "Nós iremos nos opor, junto à comunidade internacional, para que isto nunca aconteça", destacou o premier, desejando ao Estado "um futuro de prosperidade e bem-estar e, principalmente, paz para o povo".

O primeiro-ministro italiano, que aterrissou há pouco no aeroporto de Telaviv, foi recebido em uma cerimônia oficial em Jerusalém, dando início à sua visita a Israel, onde permanecerá por três dias. Depois, ele irá ainda à Cisjordânia.

Após a cerimônia de boas-vindas, a agenda de Berlusconi previa para hoje uma visita ao Memorial do Holocausto Yad Vashem. Já na terça-feira, está programada uma reunião conjunta entre os gabinetes israelense e italiano.

Além de Netanyahu, devem participar do encontro o presidente de Israel, Shimon Peres, e o chanceler Avigdor Liberman, entre outras autoridades.

Em seu terceiro dia de viagem (3), Berlusconi fará um discurso no Knesset (Parlamento local), e inaugurará uma mostra de obras do artista italiano Leonardo da Vinci (1452-1519).

No mesmo dia, o premier irá a Belém, na Cisjordânia, onde se reunirá com o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, e visitará a Basílica da Natividade. Após cumprir estas atividades, o premier voltará a Roma.

Ansa Flash.
Fonte Ansa Flash. 01/02/2010 ás 12h

Compartilhe

Em Jerusalém, Berlusconi diz sonhar com ingresso de Israel à União Europeia