Confira a agenda científica de 31 de agosto a 5 de setembro

Fonte MCTI 31/08/2014 às 11h
A Editora do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI) participa pela primeira vez da Bienal Internacional do Livro de São Paulo, um dos eventos literários mais importantes do país. Estão expostas 51 obras de produção própria e em parceria com outros projetos.

A 23ª Bienal do Livro reúne, até domingo (31), no Anhembi, as principais editoras, livrarias e distribuidoras do Brasil. Entre os livros expostos na Bienal estão: A Floresta Amazônica nas Mudanças Globais, Duas Décadas de Contribuição do Inpa, Ecossistemas Florestais em Áreas Manejadas, Golfinhos da Amazônia e Fruteiras da Amazônia: Potencial Nutricional.

Acesse o site da Editora Inpa.

Segurança da informação

O Serviço de Tecnologia da Informação (STI) realiza em setembro, no Museu de Astronomia e Ciências Afins (Mast/MCTI), o Mês da Segurança da Informação. O Dia Internacional da Segurança em Informática (Disi 2014) é o evento inaugural, na sexta-feira (5), das 9h às 17h, em Brasília, com a transmissão simultânea no auditório do prédio anexo do Mast.

Em sua nona edição, o Disi tem como tema "Segurança na nuvem: como se proteger das tempestades". Nos dias 03 (quarta-feira), 04 (quinta-feira) e 05 de setembro (sexta-feira), o Mast apresentará palestras relacionadas ao assunto, no auditório do prédio sede da instituição. O evento é gratuito, direcionado a todos os públicos, e não é necessário fazer inscrição.

O Disi é realizado desde 2005 pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), por meio do seu Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança (Cais).

Extensão

O Mast realiza também a sexta edição do curso de extensão para professores Instrumentos Científicos, Ciências, Território e Nação (1870-1930), de 3 de setembro a 1º de outubro, às quartas-feiras.

Os objetivos são a análise do papel da ciência e da técnica no conhecimento e ocupação do território brasileiro em diversos momentos da história, o destaque da importância e do funcionamento de instrumentos científicos nesse processo e a dinamização das bibliotecas nos estudos em história da ciência. Além de aulas expositivas, o curso oferece uma oficina em que será montado um modelo didático de um teodolito (instrumento usado na demarcação).

Saiba mais.

Fórum RNP

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) promove, de terça (2) a quinta-feira (4), a terceira edição do Fórum RNP, em Brasília. O evento deste ano tem como tema a e-saúde e é voltado a profissionais e fornecedores de tecnologias da informação e da comunicação (TICs), pró-reitores e diretores de universidades, coordenadores de projetos de pesquisa e gestores públicos.

O encontro colocará em debate o papel das TICs no que tange às necessidades, alternativas e desafios atuais colocados aos profissionais da área, no desenvolvimento da saúde, assim como na capacitação de recursos humanos.

O 3º Fórum RNP também terá apresentações internacionais abordando ações e iniciativas desenvolvidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pelo Educause, associação norte-americana sem fins lucrativos cuja missão é promover o ensino superior por meio do uso da tecnologia da informação, além de demonstrações sobre o uso aplicado de TICs na área de saúde.

Leia mais.

Genética

De quinta-feira (4) até o dia 7, Campina Grande (PB) sedia a 20ª edição do Encontro de Genética do Nordeste (Engene), evento realizado pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), com apoio da Sociedade Brasileira de Genética (SBG). O Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTI) é uma das instituições promotoras do encontro.

O Engene é destinado a profissionais, pesquisadores de institutos nacionais e regionais, docentes de instituições públicas e privadas de ensino superior, estudantes de pós-graduação e graduação, bem como professores e alunos do ensino médio. Na programação deste ano estão previstas 14 conferências, 14 mesas-redondas e sessões de painéis e 16 minicursos.

As discussões contemplam as áreas ensino de genética e biologia molecular; genética, evolução e melhoramento de plantas; genética, evolução e melhoramento animal; genética humana e médica; genética de microrganismos; mutagênese; e genômica, bioinformática e biologia de sistemas.

Acesse o site do encontro: http://www.engene-sbg.com.br

Saúde e meio ambiente

A coordenação geral da Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente (Obsma) ampliou o prazo de inscrições da sétima edição até segunda-feira (1º). A iniciativa contempla os projetos realizados por alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental e do 1º ao 4º ano do ensino médio, incluindo os ensinos profissionalizante e de jovens e adultos (EJA), nas modalidades Produção Audiovisual, Produção de Texto e Projeto de Ciências.

Professores e estudantes interessados em participar com trabalhos realizados em sala de aula devem acessar o sistema de cadastro no site oficial da Obsma. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail [email protected]

A Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente é um projeto educativo criado, em 2001, pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz),em parceria com a Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI).

Leia mais.

Mudanças climáticas e fauna

Termina na sexta-feira (5) o prazo de inscrições para o curso Modelos Fisiológicos dos Impactos em Répteis e Anfíbios Causados por Mudanças Climáticas, oferecido pela Coordenação de Pesquisa de Pós-Graduação do Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG/MCTI).

O curso, a ser realizado em Belém do dia 22 ao 25, será ministrado pelo pesquisador Barry Sinervo, do Departamento de Ecologia e Biologia Evolucionária da Universidade da Califórnia.

Sinervo participa do projeto Quantificação dos Riscos de Extinção Induzida pelo Clima em Anfíbios, Lagartos e Plantas do Brasil, coordenado por Guarino Rinaldi Colli, da Universidade de Brasília (UnB). Esse projeto envolve diversos pesquisadores e instituições, dentre elas o MPEG.

O curso, gratuito, será ministrado em inglês, com apresentação também em espanhol. Para saber mais clique aqui.

Agropecuária e TICs

Pelo quarto ano consecutivo, a Ceitec S.A. participa da Expointer, considerada a maior feira de agropecuária da América Latina.

A empresa pública ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) atua no segmento de semicondutores, desenvolvendo soluções para identificação automática (RFID e smartcards) e para aplicações específicas (Asics).

A Ceitec vai expor seus produtos e serviços na 37ª edição do evento, que vai até o dia 7 no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS). Neste ano, a empresa estará no Pavilhão Internacional, em frente ao estande do governo do Rio Grande do Sul.

Para demonstrar aos visitantes como funciona a tecnologia de identificação por radiofrequência, a equipe da instituição usará um boi em tamanho real, fabricado em fibra de vidro, com um brinco eletrônico que carrega o dispositivo da Ceitec.

Visite o site do evento: www.expointer.rs.gov.br.

Educação profissional

A Olimpíada do Conhecimento chega a sua oitava edição. O evento educação profissional, que acontece de terça-feira (3) a ao dia 6 em Belo Horizonte, vai reunir mais de 800 estudantes que disputarão provas sobre 58 profissões técnicas ligadas à indústria, ao setor de serviços e à agropecuária. Além disso, 45 jovens com deficiência competirão entre si em quatro modalidades.

A olimpíada, promovida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), serve como avaliação do ensino técnico no Brasil. A competição acontece a cada dois anos e reúne estudantes de cursos técnicos e de formação profissional do Senai, do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e, na edição de 2014, dos institutos federais de tecnologia.

O processo de seleção acontece em etapas preliminares dentro das escolas e nos estados. Durante o torneio, os jovens são desafiados a executar tarefas do dia a dia das empresas, dentro de prazos e padrões internacionais de qualidade.

MCTI
Fonte MCTI 31/08/2014 ás 11h

Compartilhe

Confira a agenda científica de 31 de agosto a 5 de setembro