Confiança do consumidor na economia cai em dezembro depois de sete meses

Fonte Agência Brasil. 22/12/2009 às 10h

A confiança do consumidor na economia do país caiu 2,4% em dezembro, na comparação com novembro. No comunicado divulgado hoje (22), a Fundação Getulio Vargas informa que, com o resultado de dezembro, o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) passou de 115,1 para 112,3 pontos, um patamar próximo ao observado no terceiro trimestre de 2009, quando atingiu 111,2 pontos.

Na avaliação da FGV, “houve diminuição da satisfação com a situação atual da economia e das finanças pessoais, após sete meses de avanço”. Em relação à situação atual, a confiança do consumidor caiu 2,7% e para os próximos meses, o grau de otimismo recuou 2,4%, o menor nível desde maio de 2009, segundo a instituição.

A maior contribuição para a queda do índice ficou com o quesito que mede a satisfação com a situação financeira da família. O indicador caiu 4,3%, atingindo o menor nível desde julho de 2009.

A expectativa com a evolução da situação econômica local nos próximos seis meses também ficou menos favorável em dezembro. A pesquisa mostra que a proporção de consumidores que acreditam na melhoria do cenário econômico passou de 29,9% para 26,5% e a parcela dos que projetam piora diminuiu de 9,6% para 9,0%.

A pesquisa foi feita em mais de 2 mil domicílios em sete capitais brasileiras (Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Salvador, Recife e Porto Alegre) entre os dias 30 de novembro e 18 de dezembro. O índice tem uma escala que vai de zero e 200 pontos. Quanto mais próximo de 200, maior a confiança do consumidor.
 

Agência Brasil.
Fonte Agência Brasil. 22/12/2009 ás 10h

Compartilhe

Confiança do consumidor na economia cai em dezembro depois de sete meses