Comunidade acadêmica percebe reforço em linhas de ônibus

Fonte Secretaria de Comunicação da UnB 24/08/2014 às 19h
Governo local disponibiliza mais veículos para o trajeto entre a rodoviária e o campus Darcy Ribeiro.

Beatriz Mesquita ficou 20 minutos no ônibus que sai do terminal rodoviário do Plano Piloto e passa pelo Centro Olímpico da Universidade de Brasília. Para o trajeto de oito quilômetros, a aluna de mestrado da Faculdade de Educação Física (FEF/UnB) usou a linha 110.2. “Tenho a impressão de que o transporte está melhor. Estava tranquilo, sem grandes filas, quando peguei o ônibus às 7h”, conta.

A sensação de que há oferta de ônibus melhorou é compartilhada por Milene Soares, colega de curso de Beatriz. “Espero que continue assim”, diz. Segundo as estudantes, comentários nas redes sociais também dão conta de mudanças positivas na agilidade e na oferta de transporte. Aluna do oitavo semestre de Jornalismo, Nathalia Zorzo destaca a limpeza e a pontualidade da saída do ônibus da rodoviária. “Saiu às 11h, como previsto”.

Os relatos chegam após o Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans) anunciar mais ônibus para a UnB. Segundo o órgão, desde quinta-feira passada (14), cinco novos ônibus entraram em circulação na linha 110, a principal no percurso entre a rodoviária e o Campus Darcy Ribeiro.

Além disso, cinco veículos foram remanejados de outras linhas para a universidade nos períodos com mais demanda. “Temos 16 ônibus em circulação nos horários de pico”, afirma o diretor-geral do DFTrans, Jair Tedeschi.

O DFTrans considera como mais críticos os períodos entre 6h40 e 8h20 da manhã e entre 17h30 e 19h. De acordo com Tedeschi, o intervalo entre os ônibus nesses períodos foi reduzido de cinco para três minutos. “Nosso compromisso é de aumentar não só a oferta, mas também a qualidade dos ônibus”, diz.




ÔNIBUS CHEIOS – Apesar das mudanças observadas, a reportagem da Secretaria de Comunicação ouviu queixas sobre paradas e ônibus lotados em alguns momentos do dia. “Acho que o maior problema é à noite. Por volta das 19h, as paradas ficam bem cheias”, afirma a estudante Milene Soares. A prestadora de serviços Juliana Maia concorda e pede integração e mais linhas diretas no sistema. “Moro no Gama e tenho que pegar dois ônibus”, diz.

Segundo o diretor do DFTrans, o movimento acentuado em horários específicos é uma característica de todo sistema de transporte público. “Fazemos permanentemente o monitoramento das linhas. Quando aumenta a demanda, buscamos as alternativas para melhorar o atendimento”, diz Tedeschi. Ele informa que ainda nesta semana serão feitos testes para verificar se alguns dos veículos do Expresso DF vindos do Gama poderão passar pelo Campus Darcy Ribeiro.

COMUNIDADE – Melhorar a qualidade do transporte público na Universidade de Brasília é uma bandeira defendida por gestores e estudantes. O Decanato de Assuntos Comunitários é responsável pelo Transporte Intercampi, que faz a ligação diária e gratuita entre os quatro campi. Confira os horários das partidas.
Secretaria de Comunicação da UnB
Fonte Secretaria de Comunicação da UnB 24/08/2014 ás 19h

Compartilhe

Comunidade acadêmica percebe reforço em linhas de ônibus