CIRCUITO BB CHALLENGER: Título para Fernandão/Bruno e Val/Ângela em Teresina

Fonte Assessoria de Comunicação - CBV 21/07/2013 às 19h

 

Foto da notícia

Todos ao pódio na etapa Challenger de Teresina, no Piauí

 

RIO DE JANEIRO, 21.07.2013 – Três estados brasileiros e a capital federal colocaram atletas no lugar mais alto do pódio na etapa de Teresina (PI) do Circuito Banco do Brasil Challenger. Neste DOMINGO (21.07), o capixaba Fernandão e o amazonense Bruno, entre os homens, e a carioca Val e a brasiliense Ângela, entre as mulheres, sagraram-se campeões sob um sol de rachar no Piauí, um calor escaldante de 36 graus.

Na arena montada no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), um jogo digno de uma grande final, que fechou com chave de ouro o torneio masculino da etapa piauiense. Depois de vencerem o primeiro set por 21/18, Fernandão e Bruno sofreram o revés no segundo, sendo derrotados por 22/20. A decisão ficou para o tie break, quando Léo Gomes e Daniel Souza chegaram a abrir 10/5. No fim, a virada (16/14) e o título para Fernandão e Bruno.

“O vôlei de praia é isso, com esse calor de doer, adversários muito fortes e outras tantas dificuldades que temos que superar. Perdíamos por cinco pontos e conseguimos virar e vencer. Sou do Norte e estou acostumado com esse tempo que faz aqui, muito parecido com o que faz em Manaus. Estou exausto, mas muito eliz com esse título ao lado do Fernandão”, disse Bruno, eleito o melhor jogador da decisão.

Bruno e Fernandão formaram dupla em 2001, quando foram vice-campeões do Circuito Banco do Brasil. Atualmente, o parceiro de Bruno é Hevaldo, com quem já fechou para jogar a próxima temporada da principal competição do vôlei de praia brasileiro. Fernandão ainda está atrás de uma nova parceria. Mas, por enquanto, eles vão jogando juntos as etapas Challenger, que culminou no título neste domingo.

“Depois de duas etapas sem passar das quartas, analisamos o que estávamos fazendo e nos ajustamos para Teresina. Fomos campeões invictos e só perdemos um set, justamente na final. Voltamos a ser aquele time de 2011, trabalhando em cima do conhecimento que temos um do outro. Jogamos num bom ritmo durante toda a competição e, agora, levo essa conquista lá para Manaus”, finalizou Bruno.

O terceiro lugar no torneio masculino ficou com a dupla Luciano/Jorge, que nem precisou entrar em quadra para garantir um lugar no pódio. Isso porque Léo Vieira sentiu uma lesão no joelho esquerdo, ainda na semifinal, e não teve condições de jogar a partida seguinte ao lado do parceiro Anderson Melo.

Brasiliense Ângela é eleita a melhor jogadora da final feminina
Na grande decisão do torneio feminino, a carioca Val e a brasiliense Ângela brilharam. Numa partida bastante disputada, elas reataram uma parceria desfeita há três anos e mostraram que o entrosamento ainda existe. Após a conquista do título, Ângela foi eleita a melhor jogadora da final e recebeu uma bela escultura confeccionada por uma cooperativa de artesãos de Teresina.

“Eu e Val jogamos juntas em 2010 e estou muito feliz de ter voltado a fazer parceria com ela. Acreditamos muito uma na outra, nos conhecemos bem dentro de quadra, mas tivemos que nos superar para vencer. E nem acho que fui a melhor da final. O jogo foi 99% em cima de mim e, de repente por isso, fui escolhida. Mas isso é o que menos importa. Valeu pelo título. Estou satisfeita pelo nosso desempenho”, disse Ângela.

E a superação citada pela atleta diz respeito à virada sensacional da dupla sobre Rebecca e Neide, até então invictas na etapa. Depois de perderem o primeiro set, elas mostraram personalidade suficiente para levar o jogo para o tie break, fechar a partida e garantir o título em Teresina.

“Um dos pontos principais num momento difícil no vôlei de praia, ainda mais num lugar muito quente, é respirar e pensar. Esse é o diferencial de um grande atleta para conseguir uma reviravolta como essa”, comentou a experiente Ângela. “E queria agradecer a torcida, que fez uma bonita festa. Esse clima abafado daqui deixou o pessoal ainda mais animado.”

E quem completou o pódio no torneio feminino foi a dupla que conquistou as duas primeiras etapas Challenger 2013, realizadas em Campo Grande (MS) e Sinop (MT). Vivian e Pri Lima venceram Thati e Izabel por 2 a 0, parciais de 21/19 e 21/12, e ficaram com o terceiro lugar.

A quarta e última etapa do Circuito Banco do Brasil Challenger acontecerá em Aracaju (SE), entre 9 e 11 de agosto. No mesmo mês, no dia 29, em Recife (PE), já começará a tão aguardada temporada 2013/2014 do Circuito Banco do Brasil Open, principal competição do vôlei de praia nacional, que chegará cheia de novidades.

TABELA E RESULTADOS:
http://www.cbv.com.br/v1/cbbvp-challenger/etapas.asp?et=3

GALERIA DE FOTOS:
http://www.cbv.com.br/v1/imprensa/abrir.asp?id=1742

Assessoria de Comunicação - CBV
Fonte Assessoria de Comunicação - CBV 21/07/2013 ás 19h

Compartilhe

CIRCUITO BB CHALLENGER: Título para Fernandão/Bruno e Val/Ângela em Teresina