Chile: Bachelet nomeia chefe do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas

Fonte Ansa Flash. 05/02/2010 às 15h

A presidente do Chile, Michelle Bachelet, designou hoje o general do Exército Cristian Le Dantec, de 56 anos, como chefe do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas, cargo criado por ela há três dias.

O militar, que era chefe do Estado Maior do Exército, reuniu-se nesta sexta-feira com a mandatária no Palácio de La Moneda, sede do governo chileno. O encontro precedeu o anúncio oficial de Le Dantec para o posto recém-criado.

A instituição do cargo faz parte de uma lei promulgada na terça-feira por Bachelet para promover uma reforma estrutural do Ministério da Defesa. Segundo ela, a medida "é uma das mais difíceis e ambiciosas reformas modernizadoras à qual a [aliança governista] Concertación deu início".

Durante a cerimônia de promulgação da lei, Bachelet explicou que quem ocupar o novo cargo será "o condutor estratégico das operações militares e dependerá do presidente da República, por meio do ministro da Defesa".

Após ser anunciado como chefe do Estado Maior Conjunto, Le Dantec ressaltou que a lei "fixa uma série de tarefas, objetivos e metas". Ele também disse que trabalhará para atender às "expectativas que tanto o Executivo como o Legislativo depositaram" sobre a nova lei.

O chefe militar assegurou que colocará sua gestão "a serviço da Defesa e das instituições a partir de uma perspectiva conjunta".

Por sua vez, o ministro da Defesa do Chile, Francisco Vidal, explicou que a presidente tem a opção de escolher o chefe do Estado Maior Conjunto entre 18 generais e vice-almirantes.

A lei promulgada nesta semana eliminou as subsecretarias da Força Aérea, do Exército e da Marinha, substituindo-as por uma Subsecretaria da Defesa, que se ocupará das políticas de cooperação internacional. A medida também prevê a instituição da Subsecretaria das Forças Armadas.

Ansa Flash.
Fonte Ansa Flash. 05/02/2010 ás 15h

Compartilhe

Chile: Bachelet nomeia chefe do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas