Chamada pública destina recursos para pesquisas aeroespaciais

Fonte Agência Espacial Brasileira 29/08/2014 às 20h
Pesquisas no segmento aeroespacial estão entre as que podem receber recursos da chamada pública lançada pelo Ministério da Educação (MEC), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), órgão ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). Uma das exigências é que os projetos de pesquisa sejam sobre temas que contribuam para o desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação.

Serão investidos R$ 40 milhões divididos em custeio, capital e bolsa este ano em 2015 e 2016. As propostas selecionadas terão duração de 24 meses. A inscrição está aberta até 23 de outubro próximo.

Além da área aeroespacial, a chamada é orientada para receber propostas de 27 outras áreas de interesse, entre elas a de defesa, alimentos, biotecnologia, energias renováveis, gastronomia, mineração, indústria naval, construção civil e tecnologias para o etnodesenvolvimento em terras indígenas.

Modalidades

As bolsas são divididas em quatro modalidades: desenvolvimento tecnológico e industrial (DTI), extensão no País (EXP), apoio técnico em extensão no País (ATP) e inovação tecnológica e industrial (IT). Para se candidatar ao apoio, o candidato deve cumprir exigências, como ter o currículo cadastrado na Plataforma Lattes.

O fomento será destinado a quatro linhas de pesquisa. A primeira é voltada para pesquisa aplicada, desenvolvimento e inovação que visem à solução de problemas do setor produtivo. A segunda é destinada à melhoria contínua e no aumento de competitividade de empresas, associações e cooperativas. Para estas duas modalidades, as empresas beneficiárias devem contribuir com pelo menos 10% do valor da verba pública empregada.

Uma terceira linha foca na preparação de estudantes de educação profissional dos institutos federais para competições de conhecimento e competências técnicas de abrangência regional, nacional e internacional.

A última modalidade é destinada à elaboração e execução de projetos por professores com a participação obrigatória de alunos de cursos técnicos, com foco na solução de problemas de natureza institucional, empresarial ou comunitária.


Agência Espacial Brasileira
Fonte Agência Espacial Brasileira 29/08/2014 ás 20h

Compartilhe

Chamada pública destina recursos para pesquisas aeroespaciais