Brasil supera apagão e derrota a Sérvia na Copa do Mundo de basquete

Fonte Brasil 2016 03/09/2014 às 20h
Após grande primeiro tempo, seleção vê europeus virarem o placar, mas assegura a vitória com boa atuação no último quarto.

Mais uma vez o Brasil alternou altos e baixos na Copa do Mundo de Basquete da Espanha. Nesta quarta-feira (03.09), jogando contra a Sérvia pelo segundo lugar do Grupo A, a seleção brasileira mostrou um basquete de altíssimo nível no primeiro tempo e teve um terceiro quarto desastroso. No fim, conseguiu reagir graças a uma grande atuação do ala Marquinhos e venceu os europeus por 81 x 73.

Nesta quinta-feira (04.09), o Brasil fecha sua participação na primeira fase contra o Egito, às 10h30. O adversário perdeu todas as partidas até agora. Se vencerem, os brasileiros confirmam a segunda posição e enfrentam o terceiro colocado do Grupo B nas oitavas de final.
Primeiro tempo

Ao contrário dos outros jogos pelo Mundial, a equipe do técnico Rubén Magnano começou o jogo muito bem. Com Leandrinho e Marquinhos nas alas e Anderson Varejão e Tiago Splitter no garrafão, a seleção conseguiu anular os pivôs sérvios perto da cesta. Mesmo com alguma dificuldade de segurar os rebotes contra os gigantes europeus, o time soube aproveitar a boa defesa para criar pontos fáceis nos contra-ataques. Ao fim dos primeiros 10 minutos, a consistência brasileira foi revertida em vantagem no placar: 23 x 16.

No segundo quarto, Magnano mudou algumas peças, mas a equipe seguiu com um ritmo muito forte dentro de quadra. Raulzinho, Alex, Larry e Guilherme Giovannoni saíram muito bem do banco de reservas e foram fundamentais para que o time aumentasse ainda mais a diferença no marcador. No intervalo, os brasileiros tinham confortáveis 16 pontos de frente, com 48 x 32.
Segundo tempo

Mas a tranquilidade durou pouco. Depois de segurar os sérvios em 32 pontos nos primeiros 20 minutos, o Brasil teve uma atuação muito ruim no terceiro período. A marcação dos pivôs parou de funcionar e o ataque passou a priorizar jogadas individuais. Resultado: em 10 minutos, a Sérvia não só tirou toda a vantagem que os brasileiros tinham como abriu quatro no marcador: 64 x 60 para os europeus.

A derrota parecia certa nos primeiros minutos do período decisivo. Os sérvios chegaram a abrir sete pontos sobre o Brasil. Aí entrou em ação Marquinhos. O ala brasileiro anotou oito pontos consecutivos para recolocar a seleção na frente com 68 x 67. A recuperação pesou para os sérvios, que ficaram mais de seis minutos sem conseguir pontuar. Assim, o Brasil conseguiu executar boas jogadas de ataque no fim, principalmente com Marquinhos, e confirmou a vitória que parecia certa no primeiro tempo por 81 x 73.

Com seis bolas de três pontos convertidas na partida, Marquinhos foi o cestinha do jogo com 21 pontos e cinco rebotes. Em um dia inspirado, Leandrinho também foi bem e contribuiu com 16. Tiago Splitter, com 10 pontos e seis rebotes, e Anderson Varejão, com quatro pontos e nove rebotes, também se destacaram pela seleção brasileira. Na Sérvia, Teodosic foi o maior pontuador, com 14 pontos.

"Não é fácil você estar 17 pontos na frente (46 x 29), depois ficar sete atrás (60 x 67) e buscar o resultado. Isso mostra o valor desses jogadores que fizeram uma partida muito boa, mas não podemos daqui para frente ter oscilações como tivemos no terceiro período. Conseguimos uma vitória histórica diante de uma Sérvia muito forte. Agora é encerrar a fase de grupos para depois pensar no próximo adversário no mata-mata", avaliou o técnico Rubén Magnano ao site da Confederação Brasileira de Basquete (CBB).

"Sabíamos que seria um jogo muito difícil, mas tivemos a felicidade de meter muita bola no primeiro tempo. Viemos para o segundo tempo com a mesma proposta defensiva, mas eles também tiveram um excelente aproveitamento. Apostamos na nossa defesa no último quarto e conseguimos nos recuperar e vencer", acrescentou Marquinhos, destaque da partida.
Brasil 2016
Fonte Brasil 2016 03/09/2014 ás 20h

Compartilhe

Brasil supera apagão e derrota a Sérvia na Copa do Mundo de basquete