Brasil precisa despertar para a importância da inovação, diz Cristovam

Fonte Agência Senado 15/06/2012 às 8h

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) afirmou, em discurso ontem (14), que o Brasil precisa reconhecer a importância da inovação. Ele lamentou que ainda não exista essa percepção no país, que tem a cultura de comprar tecnologia de fora, e destacou três pontos que colaboraram para essa situação: a resistência das universidades e do setor produtivo ao tema; a falta de percepção de que a inovação começa na educação de base; e o próprio conceito de inovação e progresso, que precisa ser reformulado.

Cristovam afirmou que as universidades brasileiras se acostumaram a transmitir pensamentos de fora em vez de inovar o conhecimento e que os industriais brasileiros têm fascínio por trazer produtos de fora para fabricar no país, mas tem pavor de criar aqui nossos produtos.

- Todos os automóveis brasileiros têm nomes estrangeiros. Por quê? São fabricados no Brasil, mas são inventados, criados, desenhados, projetados no exterior. Não iremos muito longe baseando nossa economia na produção e exportação de bens primários – explicou.

Em relação à educação de base, o senador afirmou que não há como ter um bom sistema científico e tecnológico sem uma educação de base de qualidade e apontou a necessidade de despertar a vontade de ser cientista nas crianças levando para as escolas a ciência por meio dos cientistas.

- As crianças aqui não sabem o nome de um único cientista. Perguntem as 50 milhões de crianças no Brasil o nome de um cientista brasileiro e elas terão dificuldade para responder. Agora, pergunte o nome de mil jogadores de futebol é possível que as nossas crianças saibam - disse.

O senador afirmou ainda que é um enorme equívoco pensar que o Brasil é a sexta potência mundial só porque tem uma produção equivalente a sexta maior do mundo. Ele frisou que para ser uma potência, o Brasil teria que produzir bens de alta tecnologia.

- Grandeza na produção não é sinônimo de grandeza do país. A grandeza do país vem da qualidade de vida do seu povo, vem do conhecimento, que é aquilo que cria a sociedade do futuro. Por isso é preciso inovar o conceito de progresso - disse.

Agência Senado
Fonte Agência Senado 15/06/2012 ás 8h

Compartilhe

Brasil precisa despertar para a importância da inovação, diz Cristovam