Berlusconi diz que o mundo não pode repetir erros em relação aos judeus

Fonte Ansa Flash. 02/02/2010 às 8h

O premier italiano, Silvio Berlusconi, disse hoje que o mundo não deve fechar os olhos para as ameaças contra Israel, porque assim correria o risco de repetir os mesmos erros cometidos quanto à Alemanha nazista.

"Creio que o meu papel seja aquele de fazer com que meus colegas, os líderes das nações europeias e do mundo, não incorram no erro da indiferença, que foi a falha cometida antes da grande tragédia na Alemanha nazista", afirmou.

O primeiro-ministro visita Israel e falou pouco antes de um jantar de gala oferecido pelo governo local em um hotel de Jerusalém.

Berlusconi, que chegou a Israel na tarde de hoje (horário local), permanecerá no Oriente Médio até quarta-feira, quando encerrará sua viagem na Cisjordânia. Ele foi recebido pelo premier israelense, Benyamin Netanyahu, e também se reunirá com o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas.

O primeiro-ministro disse ainda que a Itália quer ser um país amigo e muito próximo de Israel. "Somos um país amigo, ao qual vocês podem pedir, com a certeza de que serão atendidos, tudo aquilo que um amigo deve colocar à disposição para garantir seus direitos no âmbito da comunidade internacional", afirmou.

"Quero assegurar a todos que esta não é uma posição pessoal, mas do governo e de todo o povo italiano, que se sente próximo de vocês", complementou. Mais cedo, Berlusconi havia manifes

Ansa Flash.
Fonte Ansa Flash. 02/02/2010 ás 8h

Compartilhe

Berlusconi diz que o mundo não pode repetir erros em relação aos judeus