Articulador indígena critica local onde as comitivas de índios vão ficar para Rio+20

Fonte Agência Brasil 12/06/2012 às 20h

 

Rio de Janeiro – O local escolhido para receber as delegações indígenas que vão participar da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, foi criticado por Marcos Terena, articulador indígena no evento.

Segundo ele, a Colônia Juliano Moreira, em Jacarepaguá, onde está instalada a Aldeia Kari-oca, é insalubre e coloca em risco a saúde dos índios. “A gente não vai se responsabilizar por isso. Eles não são como eu que moro em Brasília e tenho outro tipo de resistência. Virão velhos, mulheres e crianças” participar da Rio+20, alertou.

Terena disse que um terreno próximo à colônia, também em Jacarepaguá, seria ideal para se construir o alojamento. De acordo com o líder indígena, o lugar abrigou os índios durante a Rio92.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 12/06/2012 ás 20h

Compartilhe

Articulador indígena critica local onde as comitivas de índios vão ficar para Rio+20