WebRadar recebe investimento da Intel Capital

Fonte FINEP 01/03/2013 às 17h

 

 

A Intel Capital, braço de investimentos estratégicos da Intel, anunciou um investimento milionário na WebRadar, empresa brasileira focada em Big Data e Operation Analytics. A WebRadar oferece soluções para análise inteligente de dados baseada em tecnologias inovadoras de software para auxiliar a tomada de decisões operacionais e de negócios. A parceria com a Intel – que entrou como acionista minoritário e não terá participação direta na administração da empresa - vai além do aporte financeiro, visando também apoio na internacionalização da empresa e no intercâmbio de conhecimentos na área de P&D.

Fundada em 2008, a WebRadar já rompeu as fronteiras do país. Seus maiores clientes são a Nokia Siemens Networks (por meio de uma acordo global), a Nextel (com atuação em cinco países: Brasil, México, Chile, Peru e Argentina) e a Telefonica. Segundo seu sócio–diretor, Adriano da Rocha Lima, a empresa cresceu cerca de oito vezes entre 2009 e 2012. “O crescimento previsto para 2013 será em torno de 80%”, diz ele.

A WebRadar foi uma das ganhadoras do Prêmio FINEP de Inovação 2012. Além disso, recebeu apoio por meio de Subvenção Econômica para aprimorar a ferramenta Quality NetSystem, produto com maior penetração internacional da empresa. “O apoio da FINEP foi fundamental para acelerar o desenvolvimento e aperfeiçoamento dos nossos produtos, o que possibilitou um crescimento acelerado e uma rápida expansão para outros países da América Latina”, conta Adriano. A WebRadar recebeu R$ 1,955 milhão via subvenção.

A ferramenta Quality NetSystem coleta continuamente e em tempo real dados gerados por todos os elementos de rede e equipamentos que compõem uma rede de telefonia celular ou de banda larga móvel. “Depois de processadas, as informações são disponibilizadas para o usuário em uma interface web, de forma que ele consiga identificar facilmente os problemas que afetam a qualidade do serviço, bem como as ações que devem ser tomadas para solucionar tais problemas”, explica Adriano. A ferramenta já está em operação há cerca de quatro anos, com presença nas principais operadoras celulares e em diversos países da América Latina.

As ferramentas de Operation Analytics permitem a análise de grandes volumes de dados operacionais (Big Data) em tempo real, oferecendo visibilidade e insights estratégicos sobre a informação processada, permitindo que as empresas tomem decisões rapidamente e aumentem a eficiência de suas operações. Segundo Adriano, o mercado de Big Data já movimenta mundialmente quase US$ 5 bilhões por ano. No Brasil, apesar do mercado de Big Data estar ainda no início, ele já é apontado como um dos segmentos de maior crescimento no setor tecnológico.

FINEP
Fonte FINEP 01/03/2013 ás 17h

Compartilhe

WebRadar recebe investimento da Intel Capital