Viveiros apoiados pelo SFB participam de intercâmbio para fortalecer restauração da Mata Atlântica

Fonte Serviço Florestal Brasileiro 09/04/2013 às 8h

Os viveiros que receberam apoio do Serviço Florestal Brasileiro (SFB) para melhorar a produção de mudas voltadas à restauração da Mata Atlântica participaram de um intercâmbio de experiências nos dias 01 e 02/04, na Floresta Nacional de Nísia Floresta, a cerca de 30 quilômetros de Natal (RN).

Os participantes discutiram e refletiram sobre as mudanças ocorridas em cada viveiro após a assistência técnica prestada Fundo Nacional de Desenvolvimento Florestal (FNDF), gerido pelo SFB, por meio de uma empresa contratada para esse fim. Cada beneficiário recebeu assistência técnica de acordo com suas necessidades, levantadas durante um diagnóstico participativo. O apoio ofertado incluiu uma capacitação de 40 horas sobre produção de mudas, e visitas técnicas realizadas no período de setembro de 2012 a fevereiro de 2013.

O auxílio visou o incremento qualitativo nas mudas produzidas, e a adoção de medidas para a sustentabilidade econômica dos viveiros. A produção de mudas de espécies nativas da Mata Atlântica em qualidade, diversidade e quantidade suficientes é um dos desafios para fortalecer a restauração da Mata Atlântica, da qual restam apenas 7% em fragmentos florestais bem conservados acima de 100 hectares.

Participaram do intercâmbio o Viveiro da Fundação Pró-Tamar, em Fernando de Noronha (PE), Viveiro Municipal de João Pessoa (PB), e o Viveiro da Agrovila Panorama, localizado em Medeiros Neto (BA).

Serviço Florestal Brasileiro
Fonte Serviço Florestal Brasileiro 09/04/2013 ás 8h

Compartilhe

Viveiros apoiados pelo SFB participam de intercâmbio para fortalecer restauração da Mata Atlântica