Virada Cultural Paulista tem programação em 27 cidades do interior e na capital

Fonte Agência Brasil 19/05/2012 às 13h
A partir das 18h deste sábado (19), 27 cidades de São Paulo vão receber a versão estadual da Virada Cultural. Assim como a festa que ocorre na capital, serão 24 horas ininterruptas de programação com mais de mil atrações. Apresentações musicais, espetáculos de dança, teatro, stand-up comedy são as opções artísticas que pretendem reunir cerca de 2 milhões de pessoas até o encerramento do evento, às 18h de amanhã (20).

Esta é a sexta edição da Virada Cultural Paulista. De acordo com Maria Thereza Bosi, coordenadora de Unidades de Difusão Cultural, da Secretaria de Estado da Cultura, o evento evoluiu muito nos últimos anos. “Começamos em apenas dez cidades com um público de 200 mil pessoas. Nossa ideia é aprimorar cada vez mais esse modelo e incluir novas cidades”, avaliou. Em 2012, foram incluídos quatro municípios na agenda do evento: Diadema, São Caetano do Sul, Barretos, Americana e Bauru.

Sete artistas nacionais vão se apresentar pela primeira vez na Virada Cultural: Nando Reis, em Botucatu; Fernanda Abreu, em Marília e Presidente Prudente; o rapper Emicida, em Indaiatuba e Mogi Guaçu; Mart´nália, em São João da Boa Vista e Piracicaba; Tereza Cristina, em Jundiaí e Santos; Gaby Amarantos, em Mogi Guaçu; e Vanessa da Mata, em Araraquara e São José do Rio Preto. Além deles, vão se apresentar também novos nomes da música brasileira, como Daniel Gonzaga, em Piracicaba e Indaiatuba; Gabriel Sater, em Franca; Banda Letuce, em Araçatuba; Filipe Catto, em São Carlos.

Segundo Maria Thereza, artistas que já passaram pelos palcos da Virada, com grande participação do público, retornam este ano. Dominguinhos vai se apresentar em São José dos Campos; Luiz Melodia, em Araçatuba e Botucatu; a cantora Zélia Duncan fará show em Araraquara; a banda de rock Ultraje a Rigor estará em Araçatuba e Presidente Prudente; o projeto paralelo da roqueira Pitty será apresentado em São Carlos; e a banda Titãs estará em Santa Bárbara D´oeste e Jundiaí.

A exemplo da Virada na capital, o evento no interior do estado também terá uma Virada Gastronômica, mas, no lugar de grandes chefs, os quitutes terão sabores internacionais. O espaço do Engenho Central da cidade de Americana vai receber 11 barracas, que serão administradas por entidades assistenciais. Os participantes poderão saborear a salsicha empanada, na Barraca Coreia do Sul; os crepes, na Barraca França; o salsichão, na Barraca Alemanha, dentre outros pratos do cardápio cultural.

As criançada de Araraquara também ficará acordada para aproveitar a madrugada. “A Noite Virada na Biblioteca” vai receber crianças de 8 a 12 anos, a partir das 19h, na Biblioteca Municipal Mário de Andrade. Elas vão participar de apresentações teatrais, brincadeiras e contação de histórias durante toda a noite. Para os adultos que gostam de teatro, uma opção é o espetáculo Alguém Acaba de Morrer Lá, com a atriz Lucélia Santos, no Teatro Municipal de Santa Bárbora D´Oeste.

“Esse é um formato muito especial de evento, que está intimamente ligado ao conceito de festa. O cidadão sai de casa não só pra assistir um show. Ele sai para circular pela Virada Cultural como um todo, criando um circuito próprio. Esse formato, que deu tão certo na capital, precisa ser replicado no interior. Todos têm direito à festa”, observa a coordenadora de Difusão Cultural, Maria Thereza Bosi.

A programação completa da 6ª Virada Cultural Paulista está disponível no endereço eletrônico http://www.viradaculturalpaulista.sp.gov.br.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/05/2012 ás 13h

Compartilhe

Virada Cultural Paulista tem programação em 27 cidades do interior e na capital