Virada Cultural agita São Paulo neste final de semana com mais de 900 atrações

Fonte Agência Brasil 18/05/2013 às 19h

São Paulo – Quatro milhões de pessoas deverão acompanhar a nona edição da Virada Cultural, que acontece na cidade de São Paulo neste final de semana e que tem como lema “Venha viver a virada”. Mais de 900 atrações - entre espetáculos de teatro, cinema, música, circo, dança, exposições e literatura – estão programadas para acontecer durante as 24 horas de duração ininterrupta do evento, que tem início às 18h deste sábado (18).

Cerca de R$ 10 milhões foram investidos pela prefeitura municipal para o evento deste ano, aumento de 25% em relação ao ano passado. As atrações estão espalhadas por 120 locais da capital paulista, com 25 palcos concentrados na região central da cidade.

A cantora Daniela Mercury, acompanhada pelo Zimbo Trio, fará a abertura do evento no palco que foi montado ao lado da Estação Júlio Prestes, na região da Luz. O encerramento da Virada Cultural também ocorre no mesmo palco, com a apresentação do músico uruguaio Jorge Drexler, a partir das 18h de domingo (19).

Segundo a SPTuris, empresa municipal de turismo e eventos, e organizadora do evento, além das atrações que estarão nos palcos e nas unidades do Sesc, dezenas de performances e intervenções culturais acontecerão nas ruas e nos edifícios da capital. Este ano, em especial, a Virada Cultural vai homenagear os músicos Chorão, da banda Charlie Brown Jr., Marku Ribas e Paulo Vanzolini, que morreram este ano, além do cineasta Carlos Reichenbach, que morreu em junho do ano passado. E repetindo o que rolou no ano passado, o evento deste ano promove mais uma edição do Chef na Rua, com 30 barracas espalhadas pela Avenida São João e com diversas opções de pratos no valor de R$ 5 a R$ 15.

Para a segurança do evento e maior eficiência no atendimento médico do público, a SPTuris informou que haverá 42 ambulâncias, 16 UTIs móveis, cerca de 1,3 mil seguranças particulares e quatro postos médicos espalhados em pontos estratégicos da cidade. Segundo a Guarda Civil Metropolitana (GCM), mais de 1,4 mil agentes do órgão vão atuar durante a Virada Cultural com o objetivo de coibir o comércio ambulante irregular, a preservação do patrimônio público, a segurança e a orientação da população. A Polícia Militar também vai atuar na segurança do evento, mas a Secretaria de Segurança Pública não informou como será feito esse trabalho.

“A Virada Cultural também atrai muitas pessoas de fora da cidade, em especial do interior e litoral do estado de São Paulo, mas também de outros estados e até de alguns países vizinhos. No ano passado, cerca de 8% de todo o público eram de outras cidades. São pessoas, especialmente jovens, que viajam até a capital paulista, em busca de cultura, de arte e de lazer, tudo de forma democrática e acessível”, disse o presidente da SPTuris, Marcelo Rehder, por meio do site da empresa.

Uma das novidades deste ano é que o público poderá se programar por meio de um aplicativo oficial que funciona em celulares Android. O aplicativo traz a programação do evento, alertas sobre atrasos da agenda e um mapa com informações úteis como locais dos banheiros, postos de policiamento, postos de saúde e estações de metrô. A programação e notícias sobre a Virada Cultural também podem ser consultadas por meio do site http://viradacultural.prefeitura.sp.gov.br/.

Para facilitar o deslocamento das pessoas durante a Virada Cultural, as linhas de ônibus e os trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e do metrô terão um esquema especial. A SPTrans, que administra as linhas de ônibus, vai disponibilizar 44 linhas para atender à população, inclusive durante a madrugada. Além disso, uma linha especial vai trafegar atendendo os quatro terminais de ônibus do centro, com o letreiro Virada Cultural. Já as seis linhas da CPTM e as 64 estações do metrô vão funcionar por 24 horas ininterruptas. No caso da CPTM, as linhas vão funcionar com intervalos médio de 30 minutos. No ano passado, segundo a prefeitura, 89% do público da Virada utilizou transporte público ou foi a pé para curtir as atrações.

Nos dias 25 e 26 de maio, a Virada Cultural acontece em 27 cidades do interior e do litoral paulista, com uma programação de shows e atividades culturais gratuitas.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 18/05/2013 ás 19h

Compartilhe

Virada Cultural agita São Paulo neste final de semana com mais de 900 atrações