Viadutos que ligam centro histórico à Fonte Nova serão entregues em abril

Fonte Portal da Copa, de Salvador 27/03/2013 às 18h


Na abertura da reunião sobre planos operacionais para a Copa das Confederações FIFA 2013, nesta quarta-feira (27.03), em Salvador, o governador da Bahia, Jaques Wagner, informou que os dois viadutos que fazem a integração da Arena Fonte Nova com as principais saídas viárias do centro histórico serão inaugurados no início de abril.

Ele disse ainda que está marcada para 5 de abril a entrega oficial da obra da arena, com a presença de Dilma Rousseff. O evento seria realizado em 18 de março, mas foi adiado em função da viagem da presidenta ao Vaticano, para a posse do papa Francisco I. O jogo inaugural, entre Bahia x Vitória, segue mantido para a data prevista, em 7 de abril.

“Este será o primeiro estádio que saiu do zero, que foi totalmente reconstruído a ser inaugurado. É um presente para Salvador”, disse o governador, acrescentando que os cinco mil assentos temporários estão sendo instalados e serão entregues em 20 de abril.

Acessos
O prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto, explicou que o perímetro que circunda o estádio está em estudo pela prefeitura, para que sejam definidas as intervenções necessárias. “Vamos apresentar um plano de transporte e trânsito para organizar a cidade, incluindo um sistema diferenciado de transporte público. Faremos testes nos dois ´Ba-Vi´s que teremos, em 7 de abril e no dia 28. A partir disso vamos refinar o plano para a Copa das Confederações e a Copa do Mundo”, disse.

De acordo com o secretário extraordinário de Copa da Bahia, Ney Campello, os dois viadutos de acesso à arena vão diretamente ao estacionamento do estádio, sendo que um será usado para a chegada de torcedores e outro para a saída. “Já as quatro rotas de acesso de pedestres que também estão no conjunto de obras previstas para o entorno do estádio serão entregues para 2014. Uma delas, inclusive, vai ligar o terminal de passageiros do porto de Salvador diretamente à Fonte Nova”.

A capital baiana terá três partidas da Copa das Confederações. Uruguai x Nigéria se enfrentam em 20 de junho pela segunda rodada da fase de grupos. O jogo seguinte terá nove títulos mundiais em campo, com o clássico Brasil x Itália, em 22 de junho. A partida será válida pela última rodada da fase inicial. Salvador também sediará a disputa do terceiro lugar do torneio no último dia de competições, 30 de junho. Na Copa do Mundo da FIFA 2014, seis partidas serão realizadas na Bahia.

Planos operacionais
O encontro desta quarta-feira conta com a presença de representantes das três esferas de governo e do Comitê Organizador Local (COL). O objetivo é discutir detalhes de áreas considerados essenciais para o sucesso do torneio: Telecomunicações, Energia, Coleta e Controle de Ingressos, Vigilância Sanitária, Segurança, Aeroportos, Transporte e Mobilidade, Acomodação e Receptivo Turístico, Saúde, Cultura, Meio Ambiente, Comunicação e Voluntariado.

O evento facilita a integração das ações entre cidade, estado, governo federal e COL, como reforçaram o CEO do Comitê Organizador, Ricardo Trade, e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo.

“Eu sei que Salvador acolhe a Copa das Confederações e a Copa do Mundo com toda a sua história, sua tradição, seu status de primeira capital do Brasil, habituada a acolher os grandes eventos nacionais e internacionais, com o espírito de cidade fundadora de nossa nacionalidade. Essa reunião é de integração do nosso esforço operacional para garantir todas as ações necessárias para o sucesso do evento”, disse o ministro.

A mesma reunião já foi realizada em Brasília, Rio de Janeiro, Fortaleza e Recife. Depois de Salvador, o evento acontecerá em Belo Horizonte, em 2 de abril, completando as seis sedes da Copa das Confederações.

Portal da Copa, de Salvador
Fonte Portal da Copa, de Salvador 27/03/2013 ás 18h

Compartilhe

Viadutos que ligam centro histórico à Fonte Nova serão entregues em abril