Venezuelanos prestam homenagem a Chávez pelo quarto dia

Fonte Agência Brasil* 09/03/2013 às 19h

Brasília - Pelo quarto dia consecutivo, os venezuelanos prestam homenagem ao ex-presidente Hugo Chávez, cujo corpo continua sendo velado na Academia Militar em Caracas. A espera para entrar na capela pode chegar a 24 horas, segundo agências de notícias, e o calor na região supera os 30 graus Celsius. Unidades médicas e equipes do Corpo de Bombeiros foram deslocadas para os pontos mais distantes da concentração.

O número de pessoas que foi à Academia Militar levou as autoridades a prolongar a cerimônia até a próxima quinta-feira (14), quando o corpo de Chávez será levado ao Museu da Revolução. Em seguida, será embalsamado e depositado em uma urna de cristal.

Dezenas de chefes de Estado participaram do velório, entre eles a presidenta Dilma Rousseff, que viajou a Caracas na última quinta-feira (7), acompanhada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Durante alguns minutos, Dilma segurou a mão de uma das filhas de Chávez e a consolou, conforme imagens divulgadas pela TV estatal.

Também foram ao velório os presidentes do Paraguai, Francisco Franco; do Equador, Rafael Correa; do Peru, Ollanta Humala; do Uruguai, José Mujica; da Argentina, Cristina Kirchner, do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, entre outros.

Hugo Chávez morreu na terça-feira (5), aos 58 anos, após cerca de um ano e meio de tratamento contra um câncer.

*Com informações da emissora multiestatal de televisão, Telesur.

Agência Brasil*
Fonte Agência Brasil* 09/03/2013 ás 19h

Compartilhe

Venezuelanos prestam homenagem a Chávez pelo quarto dia