Vázquez apresenta balanço de governo em ato no interior do Uruguai

Fonte Ansa Flash 19/11/2009 às 0h
O presidente do Uruguai, Tabaré Vázquez, ressaltou ontem alguns dos principais feitos de sua gestão na área econômica ao discursar em um ato público no município de Villa Soriano, a 278 quilômetros da capital Montevidéu.

Dentre os maiores avanços, ele citou a queda do desemprego, a geração de postos de trabalho e o aumento real de salários.

Vázquez, que falou acompanhado de quase todo o seu gabinete ministerial, disse que a recuperação salarial ao término de seu governo, que ocorrerá no dia 1º de março de 2010, "será superior a 25%". No caso dos trabalhadores que recebiam valores mais baixos, explicou ele, o reajuste "superará os 30% ou 35%".

"Estes resultados demonstram não apenas que o governo, quando se compromete com algo, cumpre, mas também que a reinstalação dos Conselhos de Salários foi fundamental para chegar a estes avanços", ponderou o presidente.

Os Conselhos de Salários, aos quais ele se referiu, são fóruns de negociação integrados por trabalhadores, empresários e representantes do Estado.

Tais entidades foram recriadas em 2005, já que o ex-presidente Luis Lacalle (1990-1995), do Partido Nacional, havia ordenado sua extinção. Lacalle é candidato à sucessão de Vázquez, nas eleições marcadas para 25 de outubro.

Quanto ao desemprego, o chefe de Estado lembrou que, desde o início de sua gestão, em 2005, o nível de desocupação "caiu de 12,2% a 6,9%", "mesmo que a crise internacional tenha gerado taxas muito altas em vários países do mundo desenvolvido", acrescentou.

Vázquez também fez menção à geração de empregos. Foram pelo menos 200 mil novos postos de trabalho abertos nos últimos quatro anos, o que segundo ele "era o que a população pedia".

O ato realizado em Villa Soriano faz parte de uma série de eventos que o presidente promoverá em cidades do interior do país para apresentar um balanço de sua gestão. Os próximos devem ocorrer em Zapicán, no leste, e em Bella Unión, 601 quilômetros ao norte de Montevidéu.

Com respeito às eleições de 25 de outubro, o favorito é o candidato governista, o senador e ex-guerrilheiro tupamaro José Mujica, que foi ministro da Pecuária de Tabaré Vázquez. Seu principal adversário será Luis Lacalle.
Ansa Flash
Fonte Ansa Flash 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Vázquez apresenta balanço de governo em ato no interior do Uruguai