UCB Recebe Visitantes Ilustres na Aula Magna da Cidadania

Fonte UCB 05/03/2013 às 17h

O conhecido Tião do Jardim Gramacho fala sobre a luta pela cidadania e conquista dos direitos dos trabalhadores nos aterros sanitários.

UCB Recebe Visitantes Ilustres na Aula Magna da CidadaniaCerca de 150 pessoas compareceram ao Auditório do bloco K, entre professores, estudantes e catadores de resíduos sólidos para assistirem a palestra do catador Tião Santos, protagonista do documentário “Lixo Extraordinário”, de Vik Muniz, que concorreu ao Oscar de melhor documentário em 2011. A palestra foi realizada na Universidade Católica de Brasília, no último sábado, dia 2 de março, como uma das atividades da Aula Magna de Cidadania.

Tião Santos abordou a questão dos catadores de materiais recicláveis e a importância da organização dos movimentos e cooperativas para juntos conseguirem que seus direitos sejam atendidos de forma mais rápida. Ele falou sobre a importância de eventos como este para a sociedade, mas para os próximos encontros espera que a discussão sobre a inclusão socioeconômica dos catadores de materiais recicláveis não seja mais necessária.

Em sua fala lembrou aos presentes os fatos relacionados ao fechamento do aterro sanitário do Jardim Gramacho, com foco na criação da cooperativa e sua relevância no processo de tornar o catador um cidadão. Os catadores do Jardim Gramacho formaram um conselho de liderança que luta pela indenização de todos que trabalharam no aterro. As principais dificuldades encontradas para o cadastramento dessas pessoas, além das colocadas pelo governo, é que muitas delas não possuíam registro de nascimento. Ainda existem cerca de 160 catadores sem receber a indenização. “Nós carregamos aquilo que a sociedade rejeita. O que os catadores fazem é uma prestação de serviço ao governo e à sociedade. O pagamento pelo tempo de serviço prestado é uma reparação justa”, declarou Tião Santos.

Também estavam presentes Daniel Seidel, secretário da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Distribuição de Renda (Sedest), Rônei Alves da Silva, estudante do 6º semestre de Direito da UCB e representante do movimento nacional de catadores, e Roberto Carlos Batista, titular da 1ª monitoria de defesa do ambiente do Patrimônio Cultura do Ministério Público.

UCB
Fonte UCB 05/03/2013 ás 17h

Compartilhe

UCB Recebe Visitantes Ilustres na Aula Magna da Cidadania