Transpetro começa a operar amanhã mais uma embarcação do Promef

Fonte Agência Brasil 19/05/2013 às 18h

 

Rio de Janeiro – A Transportadora Petrobras S.A. (Transpetro) iniciará amanhã (20) a operação de mais uma embarcação construída no âmbito do Programa de Modernização e Expansão da Frota Nacional de Petroleiros (Promef). O navio do tipo suezmax (com calado para navegar no Canal de Suez) Zumbir do Palmares é a quinta embarcação do Promef entregue à Transpetro – o braço logístico da Petrobras para a área de transportes – em um período de 18 meses.

Com 274 metros de comprimento e capacidade para 1 milhão de barris - metade da produção diária brasileira - o Zumbi dos Palmares vai operar no transporte de petróleo bruto. A solenidade ocorrerá no Estaleiro Atlântico Sul (EAS), no Porto de Suape, em Ipojuca (Pernambuco), e contará com a presença da presidenta Dilma Rousseff, do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, da presidenta da Petrobras, Graças Foster, e do presidente da Transpetro, Sergio Machado.

O Promef foi criado em 2004 para reativar a indústria naval brasileira com a adoção de um índice de conteúdo local (65%) e promover a renovação da frota nacional de petroleiros.

Segundo a Transpetro, o programa envolveu, em uma primeira etapa, a encomenda de 49 embarcações. De acordo com a subsidiária da Petrobras, isso garantiu as bases para o ressurgimento da indústria naval brasileira, permitindo a abertura de estaleiros e a modernização dos já existentes. Com isso, o Brasil tem hoje a terceira maior carteira de encomendas de petroleiros do mundo. O setor emprega hoje 54 mil pessoas.

Com as encomendas do programa, foram viabilizados três novos estaleiros no Brasil: EAS e Promar, em Pernambuco, e o Estaleiro Rio Tietê, em São Paulo. Este último está produzindo comboios hidroviários para o transporte de etanol pela Hidrovia Tietê-Paraná. A encomenda é parte do Promef Hidrovia, que tem investimentos de R$ 432 milhões e prevê a construção de 100 embarcações para transportar 7,6 milhões de litros de etanol. Já teve início a construção de 20 empurradores e 80 barcaças, que formarão 20 comboios hidroviários. Quando estiver em operação plena, o sistema terá capacidade para até 4 bilhões de litros por ano, substituindo 80 mil viagens de caminhão.

Além do Zumbi dos Palmares, a Transpetro já recebeu no âmbito do Promef o navio de produtos Celso Furtado, construído pelo Estaleiro Mauá; o João Cândido, um suesmax construído pelo EAS; o Sérgio Buarque de Holanda, construído pelo Estaleiro Mauá; e o Rômulo Almeida, navio com capacidade para transportar 56 milhões de litros de derivados de petróleo.

A subsidiária de logística da Petrobras tem uma frota de 60 navios, além de operar uma rede de mais de 14 mil quilômetros de dutos e 48 terminais.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/05/2013 ás 18h

Compartilhe

Transpetro começa a operar amanhã mais uma embarcação do Promef