Todas as obras dos estádios da Copa estão dentro do cronograma, informa o governo

Fonte Agência Brasil 21/05/2012 às 17h
 Faltando 752 dias para a abertura da Copa do Mundo de 2014, o portal oficial do governo brasileiro sobre a competição informa que as obras estão dentro do cronograma de trabalho estabelecido. Na quarta-feira (23), o Ministério do Esporte vai divulgar mais um balanço geral do andamento das obras para a Copa do Mundo. De acordo com o último balanço disponível, divulgado em março (a 800 dias da Copa), a situação de cada estádio era a seguinte:

Mineirão (Belo Horizonte) - A arquibancada inferior, com aproximadamente 23 mil cadeiras, já é visível. Na esplanada, espaço de 80 mil metros no entorno do estádio, 54% das peças pré-moldadas foram instaladas. A obra emprega 1.850 operários e atingiu 55% de execução. O novo Mineirão contará com 64 mil lugares, restaurante com vista para o campo e 80 camarotes. O estacionamento terá 2.521 vagas para carros, sendo 1.534 cobertas. A previsão é que seja entregue em 21 de dezembro.

Estádio Nacional (Brasília) - As obras chegaram a 54% de execução, com as vigas da arquibancada intermediária, o segundo pavimento, os blocos de esplanada e a arquibancada inferior terminados. A arena, que teve a cobertura licitada, receberá o jogo de abertura da Copa das Confederações, em 2013, e sete jogos da Copa de 2014, incluindo um da Seleção Brasileira, na primeira fase, além de uma partida das quartas de final e a disputa pelo terceiro lugar.

Arena Pantanal (Cuiabá) - Palco de quatro jogos da Copa, a Arena Pantanal começa a ganhar forma com a construção das arquibancadas inferiores e superiores. A previsão é que, até o fim de abril, os setores norte e oeste estejam com as partes de concreto e metal montadas, assim como a primeira laje contínua, unindo os dois lados. A obra conta com 650 operários e já executou 43% do projeto.

Arena da Baixada (Curitiba) - O estádio do Atlético Paranaense atingiu 52% das obras de adaptação previstas para receber quatro partidas da Copa do Mundo. Das novas intervenções, que incluem parte da arena, centro de imprensa e estacionamento, apenas 11% foram erguidas. O projeto de adaptação às exigências da Federação Internacional de Futebol (Fifa) inclui a finalização do setor de arquibancadas, a remodelação da cobertura e a ampliação da capacidade para 42 mil pessoas.

Castelão (Fortaleza) - De acordo com o último relatório do consórcio construtor, 60,44% do projeto de reforma foram cumpridos. Já estão sendo erguidos os primeiros pilares que vão dar sustentação à cobertura. A conclusão da terceira etapa deve ser antecipada de setembro para julho e, entre este mês e setembro, será feita a montagem da cobertura. Em setembro está previsto, ainda, o início da instalação das cadeiras.

Arena das Dunas (Natal) - As obras de construção da Arena das Dunas, que receberá quatro partidas da Copa do Mundo, só agora ultrapassaram a marca de 20% de execução. A fase de fundações está avançada e a de superestrutura teve início. O número de operários chegou a 600. A arena potiguar terá capacidade para 45 mil pessoas. A previsão é que o trabalho seja finalizado em dezembro do ano que vem.

Arena Amazônia (Manaus) - A Arena Amazônia, com 38% das obras executadas, será palco de quatro confrontos da fase de grupos do mundial. O estádio terá 43,7 mil lugares. A conclusão das obras está prevista para junho de 2013.

Arena Pernambuco (Recife) - Sede de cinco jogos da copa e candidata a receber confrontos da Copa das Confederações, ano que vem, a Arena Pernambuco, que está sendo construída em São Lourenço da Mata, superou, em março, 32% do projetado. Já foram feitas 95% das fundações. O estádio está orçado em R$ 500 milhões e terá capacidade para 46 mil pessoas.

Beira-Rio (Porto Alegre) - Após longa paralisação, as obras foram retomadas em março, com a demolição dos vestiários dos visitantes e da arbitragem. Para a reforma, que tinha chegado a apenas 20% do previsto antes da interrupção das obras, a capacidade do estádio será reduzida em dias de jogo. Passará de 42 mil para 36 mil lugares. Um trecho da arquibancada, abaixo das cadeiras perpétuas (antiga social), ficará interditado.

Maracanã (Rio de Janeiro) - A reforma do Estádio Mário Filho, o Maracanã, atingiu 39% de avanço físico. A arquibancada inferior está em fase de construção da estrutura, aterro da área e instalação de pré-moldados. A finalização do fechamento do anel da arquibancada está prevista para setembro. Na parte da cobertura, foi iniciada a perfuração de 60 pilares para instalação da ancoragem. A construção dos 110 camarotes já foi iniciada, com a preparação da laje.

Fonte Nova (Salvador) - Sede de seis jogos e candidata a receber partidas da Copa das Confederações, a Arena Fonte Nova já deu forma a 55% do projeto.

Arena de Itaquera (São Paulo) - Sede da abertura da copa, o futuro estádio do Corinthians, na zona leste da capital paulista, tem 30% das obras executadas. Já foram cravadas mais de 3,3 mil estacas, concretados 569 blocos, instalados 140 pilares e assentados 388 degraus, além de 96 vigas e 778 lajes. Em março, o número de funcionários chegou a 1.664, mas alcançará 2 mil no pico da obra.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 21/05/2012 ás 17h

Compartilhe

Todas as obras dos estádios da Copa estão dentro do cronograma, informa o governo