Tecnologia contribuindo com o meio ambiente

Fonte NBpress 05/03/2013 às 21h

Por Nilson Ramalho*

As palavras de ordem no mundo da tecnologia hoje são “preservação dos recursos naturais”, e o grande desafio em um mundo altamente competitivo e com grande potencial de desenvolvimento, é tornar a tecnologia uma aliada do meio ambiente, viabilizando e contribuindo de forma decisiva para o bem da sociedade, comunidades e mercados econômicos.

Com a Internet, houve uma ruptura no modelo das comunicações tradicionais e limitadas, eliminando barreiras geográficas, raciais, culturais e socioeconômicas, permitindo, assim, que campanhas que antes eram isoladas, e eventos promovidos para conscientização da necessidade da preservação dos recursos naturais chegassem mais longe e atraísse mais adeptos a esta causa. A internet vem provando ao longo do tempo que pode mais e aqueles que aproveitam todo o seu potencial têm alcançado ótimos resultados na disseminação de informação acerca deste tema.

Além disso, com a Internet, mais pessoas puderam participar de debates, discussão sobre temas relevantes da sociedade aproximando todas as classes da sociedade para responder uma pergunta: como utilizar a tecnologia que avança de forma esmagadora e contundente, em prol do bem estar do meio ambiente, utilizando a mesma força do avanço, para preservar os recursos naturais? É fato que não há uma cartilha com regras que atenderá e contribuirá com todas as expectativas, mas, há melhores práticas do uso tecnologia que, certamente, ao serem adotadas serão decisivas para responder a esta pergunta.

Cada vez mais, as empresas precisam de áreas de armazenamento de dados maiores, e em detrimento do avanço significativo das compras online, do uso das mais diversas mídias sociais, uso de vídeos para treinamentos e procedimentos empresariais, o que tem exigido um número maior de servidores e, consequentemente, aumentando o consumo de energia elétricas. As empresas que já têm como premissa a preservação dos recursos naturais adotaram tecnologias de virtualização, que ajudam a reduzir de forma significativa o consumo de energia elétrica, pois, ao lugar de fazer a instalação de servidores físicos, fazem a implantação de servidores virtuais, que vão oferecer os mesmos recursos tecnológicos, porém, com menor consumo de energia elétrica. Um exemplo de redução é que a cada 10 a 14 servidores físicos, de acordo com cada projeto, podem ser migrados para apenas um único servidor, transformando os outros em virtuais.

Outra forma que a tecnologia ajuda a reduzir o uso do papel a fim de preservar os recursos naturais é a utilização de bibliotecas virtuais, onde manuseio e armazeno meus livros no formado digital, os chamados eBooks, “eletronic book”, que antes tínhamos grandes bibliotecas físicas, neste formato podemos transportar muitos livros e fazer a leitura em qualquer lugar. Já para as empresas, há uma conscientização da não impressão, onde há uma prática na adoção de sistemas de Gerenciamento Eletrônico de Documentos (GED), a fim de organizar documentos e reduzir impressão, bem como outras tecnologias de formulários eletrônicos que permitem um mesmo documento a transitar por todas as áreas da empresa, sem uma única impressão.

O governo também procura incentivar em todas as áreas o uso de documentos digitais com a NF-e, que nasce com a finalidade de racionalização de custos e carga de trabalho, contribuindo para não impressão. Estas tecnologias, além de ajudarem significativamente o meio ambiente na economia e preservação de recursos naturais, agrega valor para as empresas, pois permitem colaboração online, com agilidade, facilitando os processos organizacionais, otimizando recursos, elevando a comunicação, assim aumentando a produtividade da organização. Com adoção dos recursos Tecnológicos, e uma visão comprometida com a preservação de recursos naturais, o meio ambiente agradece, pois tomaremos ações contributivas para este tema e continuaremos a crescer de forma sustentável.

* Nilson Ramalho é gerente de TI da Faculdade Impacta Tecnologia

NBpress
Fonte NBpress 05/03/2013 ás 21h

Compartilhe

Tecnologia contribuindo com o meio ambiente