Técnicos da Secretaria de Pesca orientam consumidor nos principais mercados de peixe do Rio

Fonte Agência Brasil 29/03/2013 às 16h

 

Rio de Janeiro – Técnicos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca estão nos principais mercados de peixe do estado do Rio de Janeiro durante todo o dia de hoje (29) para incentivar o consumo e orientar o consumidor na hora de escolher corretamente o produto para a Páscoa, período em que mais se consome peixe no estado.

Explicativos com dicas de como avaliar o aspecto do pescado estão sendo distribuídos nos mercados de peixe de Niterói, Copacabana, Barra da Tijuca, Macaé, São Pedro da Aldeia, Cabo Frio, Armação de Búzios e Angra dos Reis.

Niterói, por ser o principal ponto de desembarque do Estado, contará também com adesivos informativos no Mercado de Peixe de São Pedro e atividades lúdico-pedagógicas para conscientização dos consumidores sobre a importância do pescado na alimentação e a forma correta de escolhê-lo. De acordo com a secretaria, a cidade de Niterói recebe 35% da produção do estado de pescado, seguido por Angra dos Reis, com 33% e Cabo Frio, com 19%.

Segundo o diretor da Associação dos Comerciantes e Amigos do Mercado São Pedro, Atílio Guglielmo, a produção de pescado na Páscoa aumenta de 50 para 110 toneladas e são comercializadas principalmente a corvina, a anchova, o namorado, o camarão e a sardinha. Ele espera receber cerca de mil pessoas por dia de quarta a sexta-feira.

Um estudo da Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (Fiperj) aponta que, em 2012, o Rio de Janeiro produziu cerca de 90 mil toneladas de pescado marinho. O dado representa R$ 216 milhões para a economia fluminense.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 29/03/2013 ás 16h

Compartilhe

Técnicos da Secretaria de Pesca orientam consumidor nos principais mercados de peixe do Rio