Técnico da Seleção Feminina e presidente da CBHb acompanham, na Europa, a Champions League e Recopa

Fonte Photo&Grafia Comunicação 11/04/2013 às 21h

Equipes, que contam com brasileiras no elenco, vivem momentos decisivos nas competições

Santo André (SP) - O presidente da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb), Manoel Luiz Oliveira, e o técnico da Seleção Adulta Feminina, Morten Soubak, estão na Europa para acompanhar algumas partidas decisivas de brasileiras que atuam no handebol do continente. Nesta quinta-feira (11), eles já testemunharam a segunda vitória do Györi Audi, da Hungria, onde joga Duda Amorim, contra o romeno Oltchim Valcea. O resultado classificou a equipe da brasileira para a final da Champions League. No sábado (13), o segundo confronto entre o esloveno Krim Mercator, de Daniela Piedade, define quem fica com a segunda vaga para a decisão. O Krim já saiu na frente ao vencer o primeiro duelo entre os dois times.

Além disso, Morten e Manoel Oliveira acompanham também a segunda partida de uma das semifinais da Winner's Cup (Recopa), entre a equipe austríaca Hypo Nö, que conta em seu elenco com oito brasileiras, e a alemã Thuringer. O primeiro jogo, realizado na Alemanha, no último domingo (7), terminou empatado em 32 gols para cada lado. A partida decisiva será neste sábado (13), na Áustria, às 13h (horário de Brasília). O campeonato é organizado pela Federação Europeia.

"Nós viemos acompanhar de perto o desempenho das brasileiras na Champions e na semifinal da Recopa. Vamos analisar o desenvolvimento delas dentro de quadra e conversar um pouco também", afirmou o treinador dinamarquês, que sempre segue a atuação das atletas quando representam seus clubes.

Desde o fim de 2011, a CBHb mantém um convênio com o Hypo Nö. A parceria visa aumentar a experiência internacional e manter o entrosamento entre as atletas, que podem treinar juntas o ano inteiro e não somente durante as concentrações com a Seleção Brasileira. Assim, elas podem ganhar destaque no cenário internacional e disputar importantes competições.
"Além de acompanharmos as partidas e prestigiarmos as nossas atletas, vamos aproveitar para conversar sobre a renovação do nosso convênio com o Hypo, que é uma estratégia que vem dando muito certo", destacou o presidente da CBHb.

As brasileiras que atuam pelo Hypo Nö são a goleira Bárbara Arenhart, a Babi, as pontas Alexandra Nascimento, eleita a melhor jogadora de handebol do Mundo em 2012, e Fernanda França da Silva, as centrais Ana Paula Rodrigues Belo e Mayara Fier de Moura, as armadoras Deonise Fachinello Cavaleiro e Karoline de Souza e a pivô Fabiana Carvalho Diniz, a Dara.

Os Correios são o patrocinador oficial do Handebol do Brasil, a ASICS é a marca oficial de material esportivo e a Penalty a fornecedora de bolas.

Photo&Grafia Comunicação
Fonte Photo&Grafia Comunicação 11/04/2013 ás 21h

Compartilhe

Técnico da Seleção Feminina e presidente da CBHb acompanham, na Europa, a Champions League e Recopa