Suplicy quer que PT amplie debate sobre investigação de denúncias contra Sarney

Fonte Agência Brasil 19/11/2009 às 0h
O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) cobrou hoje (28) do presidente do PT, Ricardo Berzoini (SP), consulta às bases do partido para avaliar “qual o sentimento nacional dos petistas” sobre a possibilidade de afastamento de José Sarney (PMDB-AP) da presidência do Senado. Na reunião do Conselho de Ética realizada na semana passada, os votos dos três petistas que integram o colegiado foram fundamentais para o arquivamento dos pedidos de investigação de supostas irregularidades envolvendo Sarney.

Delcídio Amaral (MS), Ideli Salvatti (SC) e João Pedro (AM) acompanharam a decisão da direção nacional do PT pelo arquivamento, por considerar que a investigação seria um ato da oposição para comprometer a aliança entre o partido e o PMDB. Essa postura, entretanto, foi de encontro ao manifesto da bancada do PT no Senado, que sugeria o afastamento temporário de José Sarney do cargo.

No início desta semana, Suplicy colocou uma pesquisa em sua página pessoal na internet para avaliar o que pensam os petistas e a população em geral sobre um eventual afastamento de Sarney. Até as 11h30 de hoje, foram contabilizados 1.712 votos. Entre os não filiados ao partido, 78% são favoráveis à decisão da bancada e, entre os petistas, 13% aprovam o posicionamento da legenda. Já os que se manifestaram contrários representam 5% entre os não filiados e 3% entre os petistas.
Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Suplicy quer que PT amplie debate sobre investigação de denúncias contra Sarney