SUPERLIGA MASCULINA 12/13: Sada Cruzeiro vence o Sesi-SP e sai na frente na semifinal

Fonte Assessoria de Comunicação - CBV 24/03/2013 às 11h

 

Foto da notícia

Jogadores do Sada Cruzeiro comemoram

 

RIO DE JANEIRO, 23.03.2013 – O Sada Cruzeiro (MG) jogou em casa, contou com o apoio da torcida e, no primeiro jogo da série melhor de três da semifinal da Superliga masculina de vôlei 12/13, levou a melhor sobre e Sesi-SP. Neste SÁBADO (23.03), no ginásio do Riacho, em Contagem (MG), o time mineiro venceu por 3 sets a 0 (25/20, 25/14 e 25/22), em 1h30 de partida.

O próximo confronto será no SÁBADO (30.03), às 10h, desta vez no ginásio Vila Leopoldina, casa do Sesi-SP. A partida terá transmissão ao vivo da TV Globo. Em caso de vitória do time paulistano, a série será decidida no dia 5 de abril, em Contagem, já que o Sada Cruzeiro teve melhor campanha na fase classificatória.

Nesta noite, o levantador do time mineiro, William Arjona, foi eleito o melhor da partida e recebeu o Troféu VivaVôlei. O jogador dedicou o prêmio a pessoas próximas. “Esse momento é difícil, sempre ficamos um pouco mais estressado e todos que me acompanham merecem esse troféu”, comentou William, que já pensa na próxima partida.

“Hoje o time mostrou um bom padrão de jogo e temos que demonstrar isso na casa deles também. Também temos força na casa do adversário. Vamos buscar a classificação em São Paulo, mas, se não der, voltamos para cá e fechamos diante da nossa torcida”, destacou o levantador do Sada Cruzeiro.

Outro destaque do time vitorioso ficou por conta do oposto Wallace, maior pontuador do jogo, com 16 acertos.

Pelo lado do Sesi-SP, o ponteiro Cléber ressaltou que o time paulistano não conseguiu colocar em jogo o melhor voleibol que pode apresentar. “A equipe deles jogou acima do que normalmente joga e está de parabéns. Mas a nossa partida foi muito abaixo na recepção e no ataque e isso acabou facilitando um pouco para eles”, comentou Cléber.

O jogador do Sesi-SP demonstrou confiança para a segunda partida da série. “Na nossa casa vai ser diferente. O nosso time é guerreiro, reverteu várias situações durante o campeonato e agora não vai ser diferente. Estamos acostumados com o nosso ginásio e lá vamos colocar pressão neles”, concluiu Cléber.

O JOGO

O jogo começou equilibrado, com as equipes trocando pontos, até que, no bloqueio do oposto Wallace, o Sada Cruzeiro conseguiu abrir dois sobre o Sesi-SP: 7/5. O set voltou a ficar equilibrado. Mas, no bloqueio do central Douglas Cordeiro, o time mineiro voltou a abrir vantagem em 15/11. O técnico do Sesi-SP, Giovane Gávio, pediu tempo e, na volta, Wallace pontuou mais uma vez: 16/11. A equipe da casa seguiu em vantagem. Com ponto de bloqueio, feito pelo central Éder, a equipe de São Paulo se aproximou no placar (20/18), e foi a vez do treinador do Sada Cruzeiro, Marcelo Mendez, parar o jogo. O time de Contagem voltou a pontuar e, com o ponteiro Filipe, fechou o set em 25/20.

A segunda parcial começou equilibrada. Com ponto direto de saque, Wallace colocou o Sada Cruzeiro na frente: 3/2. Os donos da casa colocaram três de vantagem (5/2) e, após parada do técnico Giovane, e em boa passagem do levantador Sandro no saque, o time visitante chegou ao empate em cinco pontos. No erro de saque do adversário, o Sada Cruzeiro voltou a abrir vantagem: 13/9. A diferença no placar passou a ser de seis pontos no segundo tempo técnico (16/10). Em grande passagem do cubano Leal no saque, o adversário teve problemas no passe e o time da casa fez 21/11. Sem dificuldades, o Sada Cruzeiro fechou em 25/14.

Mais uma vez o set teve um início equilibrado, mas com o Sada Cruzeiro no comando do placar (4/3). O oposto Lorena pontuou no saque e deixou tudo igual em cinco pontos. Forçando o saque, o time da casa reassumiu a liderança e fez 12/9. Em um set mais equilibrado, o central Eder pontuou e levou o Sesi-SP ao empate novamente: 15/15. O set seguiu bastante disputado e o time visitante passou a frente em 21/20. A reta final foi equilibrada, com as equipes novamente empatadas, desta vez em 22 pontos. Mas o Sada Cruzeiro aproveitou a presença da torcida, fechou em 25/22 e confirmou o favoritismo em casa.

EQUIPES

SADA CRUZEIRO – William, Wallace, Douglas Cordeiro, Rogério, Filipe e Leal. Líbero – Serginho

Técnico: Marcelo Mendez

SESI-SP – Sandro, Lorena, Aracaju, Éder, Murilo e Cléber. Líbero – Serginho

Entraram – Léozão, Everaldo, Ary, Tarcísio e Mão

Técnico: Giovane Gávio

SUPERLIGA MASCULINA 12/13

PRIMEIRA RODADA DA SEMIFINAL

23.03 (SÁBADO) – RJX 3 x 2 Vivo/Minas (25/23, 21/25, 19/25, 25/22 e 15/13), em 2h36, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro (RJ)

TROFÉU VIVAVÔLEI – Thiago Alves (RJX)

MAIOR PONTUADOR – Filip (Vivo/Minas), com 26 pontos

23.03 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro 3 x 0 Sesi-SP (25/20, 25/14 e 25/22), em 1h30, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG)

TROFÉU VIVÔLEI – William Arjona (Sada Cruzeiro)

MAIOR PONTUADOR – Wallace (Sada Cruzeiro), com 16 pontos

Assessoria de Comunicação - CBV
Fonte Assessoria de Comunicação - CBV 24/03/2013 ás 11h

Compartilhe

SUPERLIGA MASCULINA 12/13: Sada Cruzeiro vence o Sesi-SP e sai na frente na semifinal