Setor Terciário impulsiona Brasil Maior

Fonte Assessoria de Comunicação Social do MDIC 21/04/2013 às 10h

Setor Terciário impulsiona Brasil Maior

Brasília (19 de abril) - Reuniões dos Conselhos de Competitividade de Comércio, Serviços, e Serviços Logísticos, realizadas entre os dias 16 a 18 de abril, no Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), definiram propostas para as agendas setoriais e a próxima edição do Simpósio Brasileiro de Políticas Públicas para Comércio e Serviços (Simbracs 2013), que será realizado em novembro. Os conselhos foram criados pelo Plano Brasil Maior e reúnem instituições do governo e entidades representativas dos trabalhadores e empresários dos setores.

Entre as propostas discutidas, está a elaboração de um Atlas que criará referenciais de informações sobre serviços. O trabalho já se encontra em desenvolvimento, com a participação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), utilizando a estrutura da Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais (INDE). No próximo passo, definido nas reuniões dos Conselhos, haverá a consolidação conjunta de um projeto básico que promova a adesão dos demais órgãos de governo e instituições privadas na disponibilização de dados e informações.

Etiquetas inteligentes

Outra medida é o incentivo à utilização de Etiquetas Inteligentes por parte das cadeias produtivas no Brasil, ampliando as capacidades na logística de cargas e estoques, na gestão das empresas atacadistas e varejistas, na qualidade de produtos e na conveniência de compra e uso ao consumidor.

A Secretaria de Comércio e Serviços (SCS) do MDIC anunciou a convergência neste trabalho por parte da Empresa de Planejamento e Logística (EPL) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), entidades que já desenvolvem iniciativas no tema, conforme informado pelo presidente da EPL, Bernardo Figueiredo, que foi palestrante convidado na reunião do Conselho de Serviços Logísticos. Em sua apresentação, Bernardo Figueiredo detalhou, também, as ações de aceleração nos investimentos em infraestrutura logística do Brasil, coordenadas pela EPL.

O Conselho de Serviços Logísticos está, também, estudando a proposta de um novo modelo para viabilização do programa para a renovação da frota nacional de caminhões. Segundo o secretário de Comércio e Serviços do MDIC, Humberto Ribeiro, coordenador dos Conselhos, o grupo de trabalho, que também inclui a Secretaria de Desenvolvimento da Produção (SDP/MDIC), o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), e o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), estudará uma metodologia de regulamentação para o desmanche veicular e a criação de um sistema para certificação das empresas que realizam esta atividade.

Metas

Entre as metas da Agenda Setorial, destacam-se duas medidas em desenvolvimento deste o ano passado: o prosseguimento na racionalização nos procedimentos para abertura e encerramento de empresas, ampliando ainda mais os processos simplificados que já garantem abertura de empresas em até 48 horas nos municípios participantes; e a ampliação da participação de empresários e trabalhadores na convergência entre oferta e demanda de vagas para formação profissional de capital humano voltado ao setor terciário, em especial por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Também foram discutidas a atual consulta pública para a Nomenclatura Brasileira de Serviços (NBS), cujo prazo se encerra em 25 de maio de 2013, e a obrigatoriedade do registro de empresas no Sistema Integrado de Comércio Exterior de Serviços, Intangíveis e Outras Operações que Produzam Variações no Patrimônio (Siscoserv).

Nos encontros, os participantes também foram informados da nova edição do Catálogo de Oportunidades para Investimentos no Brasil, material que consolida em publicação impressa e eletrônica os principais projetos de investimentos brasileiros a potenciais investidores do Brasil e do exterior. Na oportunidade, Humberto Ribeiro, convidou os representantes das entidades a estimularem as empresas brasileiras a registrar no catálogo seus projetos que se encontrem em busca de investidores.

 

Assessoria de Comunicação Social do MDIC
Fonte Assessoria de Comunicação Social do MDIC 21/04/2013 ás 10h

Compartilhe

Setor Terciário impulsiona Brasil Maior