Secretário de Estado norte-americano lamenta morte de diplomata

Fonte Ansa flash 07/04/2013 às 14h

Joh Kerry falou sobre o morte de Anne Smedinghoff, vítima de um ataque no Afeganistão

WASHINGTON, 7 ABR (ANSA) - O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, criticou hoje os terroristas "covardes" responsáveis pelo ataque de ontem no Afeganistão, que causou a morte de cinco cidadãos norte-americanos, entre elas uma jovem diplomata de apenas 25 anos, Anne Smedinghoff. Kerry lembrou que Smedinghoff, a quem descreveu como "altruísta e idealista", o acompanhou durante sua visita ao país há duas semanas. A diplomata "se levantou na manhã de ontem e se preparou para levar livros a crianças da escola e levar conhecimento a elas", disse Kerry. "Ela foi uma norte-americana valente, que decidiu brilhar com a luz do aprendizado através dos livros, escritos na linguagem dos alunos que ela nunca conheceu", comentou o secretário de Estado. O jovem do estado de Illinois, que esteve anteriormente na Venezuela, é a primeira diplomata norte-americana assassinada desde o atendo do último 11 de setembro, em Bengasi na Líbia.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 07/04/2013 ás 14h

Compartilhe

Secretário de Estado norte-americano lamenta morte de diplomata