Secretaria de Saúde do Paraná alerta para risco de aumento de casos de dengue

Fonte Agência Brasil 19/11/2009 às 0h
A Secretaria de Saúde do Paraná alerta para o risco de aumento de casos de dengue no estado durante o período de chuvas. De acordo com o órgão, os paranaenses devem redobrar os cuidados com a doença, pois um levantamento mostrou que estão circulando três tipos de vírus diferentes no estado, o que possibilita uma epidemia de dengue hemorrágica.

Até o final de agosto, foram confirmados 814 casos de dengue em municípios paranaenses. Desses, 702 são autóctones, contraídos no próprio estado, e 112 são importados. No mesmo período de 2008, foram confirmados 752 casos autóctones.

As ações de prevenção à dengue estão voltadas aos cuidados para eliminar os criadouros do mosquito transmissor da doença, o Aedes aegypti, que se reproduz em água limpa e parada. Entre as recomendações para evitar a proliferação do mosquito estão tampar a caixa d"água e manter o quintal limpo e os vasos de plantas com areia para evitar que ele se reproduza.

A Secretaria de Saúde também chama a atenção para o risco de aumento de casos de leptospirose. A doença é causada por uma bactéria presente na urina de ratos e ratazanas. Com as chuvas, ela pode se misturar com a água acumulada em valetas e com lama, por exemplo. Este ano já foram registrados 132 casos da doença no Paraná, com 13 mortes.
Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Secretaria de Saúde do Paraná alerta para risco de aumento de casos de dengue